Marina Silva lidera todos os cenários de 2º turno, diz Datafolha

Ex-senadora venceria, com folga, eleições presidenciais de 2018 contra os adversários do PT e PSDB. No primeiro turno, Lula aparece como favorito em todas as disputas possíveis.A ex-senadora Marina Silva (Rede) é líder em todos os cenários para o segundo turno das eleições presidenciais de 2018, de acordo com dados do Instituto Datafolha divulgados nesta segunda-feira (12/12) pelo jornal Folha de S.Paulo. Marina nunca chegou ao segundo turno. Marina x Lula Segundo o Datafolha, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera as intenções de voto em todos os cenários de primeiro turno, mas perde para Marina no segundo. De acordo com as simulações, Lula teria no primeiro turno 25% das intenções de voto, contra 15% de Marina e 11% do senador mineiro Aécio Neves (PSDB). Contudo, ao considerar a disputa entre Lula e Marina num segundo turno, ela conquistaria 43% dos votos contra 34% dele. Marina x PSDB A pesquisa também aponta vitória de Marina num segundo turno disputado contra Aécio. Neste cenário, a ex-senadora conquistaria uma vantagem ainda maior: 47% das intenções de voto, contra 25%. O Instituto Datafolha trabalhou ainda com outras possibilidades de candidaturas tucanas. Considerando um segundo turno com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, Marina venceria com 48% dos votos, contra 25%. Caso o segundo turno fosse disputado com o ministro das Relações Exteriores, José Serra, a vantagem de Marina seria menor, embora ainda significativa. Ela ganharia a eleição com 47% dos votos, contra 27% conquistados pelo chanceler. Lula x PSDB Caso o segundo turno fosse disputado entre Lula e os possíveis candidatos do PSDB Geraldo Alckmin, José Serra e Aécio Neves, o ex-presidente sairia vitorioso, porém com vantagem tão pequena que seria considerada empate técnico pelo Datafolha. Lula ganharia de Aécio por 38% contra 34%; de Serra por 37% contra 35%; e de Alckmin por 38% contra 34%. Rejeição popular De acordo com o Datafolha, o presidente Michel Temer (PMDB) lidera em rejeiçãodos eleitores para primeiro turno, com uma porcentagem de 45%. Em julho deste ano, a taxa de impopularidade de Temer era de 29%. Segundo o Datafolha, Lula aparece em segundo lugar em rejeição popular: 44% dos brasileiros não votariam no ex-presidente de jeito nenhum. Aécio ocupa o terceiro lugar em rejeição para o primeiro turno, com uma taxa de 30%. Os dados acima foram obtidos por meio de uma pesquisa que entrevistou 2.828 brasileiros entre os dia 7 e 8 de dezembro deste ano. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. NT/rtr/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos