Tempestade na Alemanha deixa dois mortos

Duas pessoas morrem na Baixa Saxônia após árvores atingirem seus carros. No norte do país, importantes rotas de trem são interrompidas, e trânsito em rodovias é afetado. Tornado se forma na região de Hamburgo.A tempestade Paul, que atingiu o norte e oeste da Alemanha nesta quinta-feira (22/06), deixou ao menos dois mortos e um ferido, além de causar estragos em diversas regiões do país. Segundo o Serviço Meteorológico Alemão (DWD), além das fortes chuvas e trovadas, um tornado atípico se formou na região de Hamburgo. Um homem de 50 anos morreu na cidade de Uelzen, na Baixa Saxônia, após seu carro ser atingido por uma árvore. Em Gifhorn, no mesmo estado, uma mulher de 83 anos morreu quando seu carro colidiu com uma árvore caída. Na mesma região, um ciclista sofreu ferimentos graves, também ao ser atingido por uma árvore. Em Hamburgo, os bombeiros atenderam a 250 chamados em meio à tempestade. No estado de Brandemburgo, foram 450. Em Magdeburgo, diversas regiões ficaram sem energia elétrica. Há também relatos de morte de animais em algumas zonas rurais. A tempestade também interrompeu a circulação de linhas de trem devido à queda de árvores em trilhos. Segundo a Deutsche Bahn, empresa que opera o serviço ferroviário na Alemanha, foi interrompido o tráfego de trens em algumas das rotas mais importantes do país, como entre Berlim e Hamburgo, Berlim e Düsseldorf e Hannover e Wolfsburg. A circulação de trens regionais no norte alemão também foi afetada. Mais de 800 pessoas ficaram presas na estação central de Bremen devido ao cancelamento de trens. A Deutsche Bahn providenciou vagões-dormitórios como acomodações de emergência para os passageiros, assim como fez em Hamburgo, Hannover e Kassel. Em Berlim, os aeroportos de Schönefeld e Tegel foram fechados para pousos e decolagens, sendo que novos atrasos devem ocorrer também nesta sexta-feira. A queda de árvores prejudicou ainda o trânsito em rodovias que ligam Hamburgo às cidades de Hannover e Bremen. Diversos voos que partiam dos aeroportos de Berlim sofreram atrasos devido à forte chuva. Um show da banda Guns N' Roses para 70 mil pessoas, em Hannover, teve de ser interrompido em razão da tempestade. O público teve de deixar o espaço aberto onde era realizado o espetáculo, sendo acomodado num salão adjacente. Mais tarde, com a melhora do tempo, os músicos prosseguiram com o show. Já o show do Depeche Mode em Berlim ocorreu apesar da forte chuva. Na manhã desta sexta-feira, o DWD cancelou a maioria dos alertas meteorológicos. As últimas tempestades ainda devem atingir a região da Baviera, no sul do país, ao longo do dia. CN/RC/dpa/ots

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos