Ataques terroristas do Estado Islâmico no Iraque matam 43 policiais

Em Bagdá

Pelo menos 43 policiais iraquianos morreram neste sábado (23) em três ataques suicidas cometidos pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI) perto da cidade de Ramadi, no oeste do Iraque, informou à Agência Efe uma fonte das forças de segurança locais.

Terroristas suicidas explodiram três carros-bomba junto a posições das forças governamentais na região conhecida como Quilômetro Setenta, a oeste da cidade de Ramadi, capital da província de Al Anbar, a maior do Iraque.

O EI reivindicou os ataques através da agência de notícias "Amaq", associada ao grupo jihadista.

Segundo as informações divulgadas pela "Amaq", o EI matou 72 membros das forças iraquianas em três ataques "de martírio" (cometidos por suicidas) a um quartel da polícia federal e uma concentração dos uniformizados na região do Quilômetro Setenta.

Por outro lado, a fonte de segurança informou à Efe que pelo menos 53 terroristas do EI morreram em bombardeios realizados por aviões militares iraquianos e da coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos sobre a região da Ilha de Ramadi, ao norte da cidade homônima.

Os ataques aéreos também provocaram danos nas bases da organização terrorista e destruíram vários de seus veículos, segundo a fonte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos