Parada Gay de Madri se prepara para edição mundial defendendo bissexualidade

Madri, 2 jul (EFE).- Milhares de pessoas, mais de 1 milhão segundo os organizadores, se manifestaram neste sábado em Madri (Espanha) reivindicando igualdade real de direitos entre as pessoas, sem distinção de identidade de gênero, e fizeram um pedido especial para a que a bissexualidade ganhe mais visibilidade.

Em um ambiente festivo, o evento também homenageou com o cartaz "One Pulse. Orlando Strong" às vítimas do massacre na boate gay de Orlando, nos Estados Unidos, no dia 12 de junho, lembrando a discriminação e o ódio que "o coletivo LGTB ainda sofre em muitas nações".

"Meus direitos e minha liberdade protegem os seus" e "Amar não é crime" eram algumas das frases dos cartazes que carregavam os participantes, que fizeram o trajeto entre coloridos carros alegóricos e bandas de música.

Além de reivindicações, Madri viveu hoje uma festa, cheia de balões e de fantasias variadas, de índios a marinheiros, passando por dançarinas de cabaré. Uma grande festa que queria mostrar que Madri está preparada para receber no ano que vem a Parada do Orgulho Gay Internacional, a World Pride 2017.

"Sou a prefeita da maior cidade do Orgulho": essa foi a frase usada pela prefeita de Madri, Manuela Carmena, para receber o público na Praça Colón.

Manuela pediu pelo fim da intolerância em momentos em que preocupam os "pequenos focos de homofobia" que surgiram recentemente. E para o próximo ano ressaltou que o "enorme desafio" é que por trás da Prefeitura e da comunidade Autônoma de Madri esteja "toda a Espanha" para que o Dia do Orgulho Gay Mundial seja "algo único".

Além da prefeita e dos líderes dos principais grupos defensores da causa na Espanha, participaram da Parada, "uma das maiores já realizadas até hoje na capital", segundo fontes da organização, representantes dos partidos PSOE, PP, Podemos e Ciudadanos. Todos concordaram com a necessidade de apoiar as reivindicações deste coletivo e trabalhar pela tolerância e pela igualdade de oportunidades para todos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos