EI sequestra 16 civis na província síria de Aleppo

Beirute, 8 jul (EFE).- O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) sequestrou nesta sexta-feira 16 civis, entre eles 13 membros de uma mesma família, no povoado de Al Sukaria, na periferia da cidade de Manbech, no nordeste de Aleppo, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A ONG, que citou moradores da região, afirmou que os extremistas raptaram essas pessoas para possivelmente utilizá-los como escudos humanos.

Desde o dia 31 de maio, a área de Manbech, controlada pelo EI, é alvo de uma ofensiva das Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada curdo-árabe apoiada pelos Estados Unidos.

Nas últimas semanas, os extremistas sequestraram cerca de 1.500 curdos após entrar em suas localidades nos arredores de Manbech e no povoado de Al Bab, também dominada pelo EI e cerca de 20 quilômetros de distância.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos