Bombardeios e explosão deixam 18 mortos no norte da Síria

Beirute, 7 set (EFE).- Pelo menos 18 pessoas morreram nas últimas horas em bombardeios e por uma explosão em distintas zonas do norte da Síria, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Sete dos mortos - entre eles uma menina, dois membros da Defesa Civil (um grupo de voluntários que empresta trabalhos de resgate) e um combatente islâmico - perderam a vida por um ataque de aviões de guerra contra a cidade de Jan Shijun, no sul da província de Idlib.

A ONG, que não precisou a origem dos aparatos, acrescentou que o bombardeio também causou dezenas de feridos.

Por outro lado, um dos 70 atingidos por um suposto ataque aéreo ontem com gás cloro na cidade de Aleppo acabou falecendo, afirmou o Observatório.

A ONG lembrou que fontes médicas acusaram às forças governamentais de ter realizado esse ataque contra o bairro de Sukari.

Já na província de Hama, pelo menos dez trabalhadores, incluindo algumas mulheres, morreram pela explosão de uma mina na passagem do veículo onde seguiam para o trabalho em uma estrada entre as áreas de Hayazi Zalin e Musasana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos