Número de mortos no Haiti sobe para 283 por conta do furacão Matthew

Porto Príncipe, 6 out (EFE).- O Ministério do Interior do Haiti informou nesta quinta-feira que subiu para 283 o número de mortos após a passagem pelo país do furacão Matthew, que também deixou grandes destroços na infraestrutura da nação caribenha.

O novo balanço de vítimas foi divulgado horas depois que o presidente interino haitiano, Jocelerme Privert, visitasse a região sudoeste, a mais afetada pelos efeitos devastadores do fenômeno.

À medida que as horas passaram, o número de vítimas fatais foi crescendo nessa região, que ficou totalmente sem comunicação depois da passagem do Matthew, que se prepara atacar o sudeste dos Estados Unidos.

A Defesa Civil tinha informado anteriormente que 264 pessoas tinham morrido, principalmente em várias cidades e localidades do Departamento Sul, por onde passou o olho do furacão.

Matthew, o quinto furacão da atual temporada ciclônica no Atlântico, também afetou severamente mais de 20 mil casas, de acordo com avaliações iniciais.

De acordo com várias fontes, cerca de 340 mil pessoas foram afetadas pelo ciclone, que hoje cruzou o arquipélago das Bahamas em direção a Flórida, após se deslocar pelo Haiti, República Dominicana, Jamaica e Cuba.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos