Encontrada fuselagem do avião russo que caiu no Mar Negro

Moscou, 26 dez (EFE).- Mergulhadores militares russos acharam nesta segunda-feira a fuselagem do Tu-154 que caiu ontem no Mar Negro com 92 pessoas a bordo minutos depois da decolagem do Aeroporto Internacional de Sochi rumo à Síria, informou o Ministério das Emergências da Rússia em comunicado.

A fuselagem, onde poderia estar a maioria das vítimas, foi localizada a 1,7 quilômetros do litoral e a uma profundidade de 27 metros.

"Neste momento, estudamos a possibilidade de içar o aparelho à superfície. O avião sofreu muitos danos", explicou à agencia "Interfax" um integrante da operação.

Mais de 3.500 pessoas, 45 embarcações, 32 aeronaves e sete batiscafos participam da operação de resgate. Com esses trabalhos, que incluem 135 mergulhadores, já foi possível recuperar os corpos de 11 pessoas e centenas de fragmentos do avião.

O Serviço Federal de Segurança (FSB, antigo KGB) indicou que não existem provas de que o Tu-154 tenha sofrido um ataque terrorista. As principais causas da tragédia analisadas pelos investigadores, segundo nota do FSB, são as de um possível "impacto de objetos nos motores, combustível de má qualidade, erro de pilotagem ou falha técnica do avião".

A Rússia vive hoje um dia de luto nacional. As principais emissoras do país mudaram a programação e tiraram do ar, por exemplo, programas de humor.

No avião viajavam militares, nove jornalistas e 64 integrantes do coro e grupo de dança Alexandrov Ensemble, das Forças Armadas, que se apresentariam nas festas de fim de ano da base aérea russa de Khmeimim, na Síria. Entre os passageiros também estava a presidente da fundação Fair Aid, a médica Elizaveta Glinka.

O avião, com capacidade para até 180 passageiros, saiu de Moscou e fez escala para reabastecer em Sochi. Menos de meia hora depois de decolar rumo à Síria, o aparelho caiu no Mar Negro sem que os tripulantes tivessem dado aviso à torre controle de alguma emergência ou problema a bordo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos