Elizabeth II envia "mais profundas condolências" a vítimas de atentado

Londres, 23 mar (EFE).- A rainha Elizabeth II expressou nesta quinta-feira suas "mais profundas condolências" a todos os afetados pela "violência espantosa" derivada do ataque ocorrido ontem em Westminster, informou o Palácio de Buckingham.

"Meus pensamentos, orações e minhas mais profundas condolências estão com todos aqueles afetados pela violência espantosa de ontem", disse a rainha em comunicado divulgado hoje pelo palácio.

Em consequência do atentado, que terminou com quatro mortos, entre eles o agressor, a visita que Elizabeth II faria hoje à nova sede da Polícia Metropolitana de Londres (Met) foi adiada.

"Após os impactantes eventos ocorridos em Westminster, o príncipe Philip e eu sentimos não poder inaugurar hoje o edifício da New Scotland Yard como estava planejado", acrescenta a rainha na nota.

A soberana expressou ainda "seu agradecimento e admiração aos membros da Polícia Metropolitana de Londres (Met) e todos aqueles cujo trabalho ajuda de maneira tão desinteressada a proteger os outros".

No ataque de ontem, o agressor lançou seu automóvel contra os transeuntes que caminhavam pela ponte de Westminster, se chocou depois contra a cerca que rodeia o parlamento e recebeu vários disparos após esfaquear um dos policiais que protegiam o edifício.

Quatro pessoas morreram no atentado: o próprio agressor, um policial britânico de 48 anos, Keith Palmer, outro homem de entre 40 e 50 anos, e uma mulher de 43 anos, Aysha Frade, que tinha nacionalidade britânica e era de origem espanhola

Dos 29 feridos que tiveram que ser atendidos ontem em diversos hospitais da cidade, sete continuam hoje em "estado crítico", segundo os últimos números oficiais.

Os feridos são de 12 nacionalidades diferentes, que incluem 12 britânicos, três franceses, dois romenos, quatro sul-coreanos, um alemão, um chinês, um irlandês, um italiano e dois gregos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos