Ciclone Mora deixa pelo menos 5 mortos em Bangladesh

Daca, 30 mai (EFE). - Pelo menos cinco mortos, dez feridos e importantes danos em imóveis é o saldo parcial da chegada do ciclone Mora ao sudoeste de Bangladesh, onde, aproximadamente, 2 milhões de pessoas foram retiradas de casa.

Fontes policiais indicaram à Agência Efe que quatro pessoas morreram devido à queda de árvores nos distritos de Cox Bazar e Rangamati. A quinta faleceu depois de um AVC como consequência de um ataque de pânico.

O ciclone, que chegou em forma de tempestade tropical, com ventos de 117 quilômetros por hora, deixou também dez pessoas feridas.

O comissário-adjunto de Cox Bazar, Mohammad Ali Hossain, informou que "muitas casas e árvores" foram destruídas, mas que ainda não foi possível fazer uma avaliação do alcance dos prejuízos. Uma das comunidades mais afetadas pela chegada de Mora foi a dos refugiados rohingya, que têm dois acampamentos com 33 mil pessoas neste distrito na fronteira com Mianmar.

De acordo com o líder da comunidade rohingya no acampamento de Kutupalong, Farid Alam, os refugiados estão agora em um abrigo do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

Mora tocou a terra na forma de tempestade tropical por volta das 6h (horário local) em Teknaf, no sul do país e perto de Myanmar. Hoje, o Departamento Meteorológico de Bangladesh rebaixou o nível de alerta para 3 (no máximo de 10), já que o ciclone está perdendo força.

"É provável que se mova na direção norte e que enfraqueça gradativamente", informou o organismo no seu último boletim.

As autoridades mantêm o aviso para que barcos de pesca permaneçam no porto até segunda ordem. O Programa de Preparação de Ciclones de Bangladesh indicou à Efe que 56 mil voluntários estão mobilizados em 18 distritos do litoral para que ninguém fique em situação "vulnerável".

Bangladesh é palco de ciclones duas vezes ao ano, entre abril e maio e outubro e novembro, respectivamente, devido à sua posição geográfica no Golfo de Bengala.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos