Chestnut quebra recorde e conquista 10º título em desafio do cachorro-quente

Nova York, 4 jul (EFE).- Os principais devoradores de cachorros-quentes dos Estados Unidos voltaram a desafiar seus estômagos nesta terça-feira, no concurso anual "Nathan's Famous" de Nova York, para decretar um novo campeão da inusitada disputa.

Mas não houve adversários para Joey Chestnut, que ganhou o concurso pela décima vez em 11 anos após engolir 72 "hot dogs" em dez minutos, um novo recorde da competição que é disputada sempre em 4 de julho, dia da independência dos Estados Unidos.

Chestnut, ex-trabalhador da construção civil, superou por dois cachorros-quentes os 70 ingeridos no ano passado para vencer seu principal rival, Matt Stonie, que roubou o título do supercampeão do concurso em 2015.

Posicionado entre dez competidores que devoraram o prato típico americano, o californiano não diminuiu o ritmo enquanto escutava os gritos de apoio da torcida até vitória, momento que já está imortalizado nas redes sociais.

Também na internet, Chestnut mostrou há alguns dias em um vídeo como treina para o desafio. As imagens mostram uma mesa repleta de cachorros-quentes. Ele então molha as mãos após comer separadamente cada salsicha e seu respectivo pão.

Na disputa entre as mulheres, Miki Sudo, de Las Vegas, venceu pela quarta vez com uma nova marca pessoal: 41 cachorros-quentes ingeridos em dez muitos. A segunda colocada e vencedora do concurso em três edições, Sonya Thomas, só conseguiu comer 30.

Os vencedores do concurso, que é acompanhado por milhares de espectadores, levam um prêmio de US$ 10 mil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos