Exército egípcio mata 6 supostos terroristas no norte do Sinai

Cairo, 23 out (EFE).- O exército do Egito matou nesta segunda-feira seis supostos terroristas no norte da península do Sinai, no nordeste do país, durante uma operação militar nessa área, informou o porta-voz das forças armadas, Tamer al Refai.

Refai detalhou em um comunicado que "os membros takfiris (terroristas radicais) mortos eram muito perigosos" e acrescentou que as tropas confiscaram grandes quantidades de armas e munição no esconderijo onde encontravam-se os supostos jihadistas.

Por outra parte, a fonte indicou que a aviação militar destruiu oito veículos com armas em seu interior e que tentavam infiltrar-se no país a partir da fronteira com Líbia, ao oeste do Egito.

No dia 21 de outubro, o Ministério de Interior confirmou a morte de 16 policiais em um enfrentamento com um suposto grupo de terroristas em uma operação de segurança no Deserto Ocidental do Egito.

As forças armadas egípcias lutam contra grupos armados radicais no norte e no centro do Sinai, incluindo a filial local do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), que expandiu sua atividade para além da península.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos