Aplicativo promete ajudar imigrantes ilegais a atravessar fronteira dos EUA

Em Austin

  • Reprodução/ bienvenidosapp.com

O aplicativo "Bienvenidos", desenvolvido para smartphones, promete ajudar a atravessar a fronteira entre o México e os Estados Unidos de forma ilegal sabendo num instante a localização dos agentes federais e de pontos de assistência e garrafas de água, segundo seus criadores.

Esta ferramenta de colaboração aberta com rotas para imigrantes, segundo definem os criadores em seu site, utilizará drones, sensores de terra e câmeras escondidas para advertir a localização exata da Patrulha Fronteiriça (CBP) e de outros perigos, como animais selvagens.

Embora o aplicativo ainda não tenha sido lançado ao mercado, a Patrulha Fronteiriça advertiu hoje à Agência Efe sobre o perigo de atravessar a fronteira de maneira ilegal por lugares diferentes aos estabelecidos oficialmente.

A ferramenta atualizará todos os dias a evolução da construção do muro fronteiriço prometido pelo presidente Donald Trump, com relatórios detalhados sobre áreas vulneráveis, a localização de túneis e zonas onde não existe arame farpado, anunciaram os criadores.

A conexão será realizada através de sistemas criptografados e bases de dados geograficamente descentralizados para evitar que as autoridades migratórias intervenham nos dados expostos e a identidade dos usuários.

O aplicativo ainda não foi lançado, embora já tenha gerado um debate social entre quem considera este sistema útil e quem acredita que poderia proporcionar mais argumentos a favor dos que pretendem endurecer a política migratória.

Nesse sentido, um porta-voz da Patrulha Fronteiriça explicou à Efe que eles manterão uma "postura firme", promovendo "a migração segura, legal e ordenada" através dos pontos de entrada estabelecidos nos EUA.

"A lei federal exige que as pessoas e as mercadorias só podem entrar nos EUA depois da inspeção nos postos de entrada designados; os cruzamentos em outros pontos ao longo da fronteira são proibidos", concluiu o porta-voz.

O "Bienvenidos" não tem data de lançamento definida nem plataforma na qual estará disponível. No entanto, seus desenvolvedores anunciaram em seu site que implantarão a ferramenta nas fronteiras de outros países, como França, Alemanha, Reino Unido, Holanda, Grécia e Espanha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos