PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Vice-presidente da Colômbia representará Duque em posse de Bolsonaro

31/12/2018 11h38

Bogotá, 31 dez (EFE).- A vice-presidente da Colômbia, Marta Lucía Ramírez, representará o líder do país Iván Duque na cerimônia de posse de Jair Bolsonaro como novo presidente do Brasil, informou nesta segunda-feira seu escritório.

Ramírez viajará no dia 1 de janeiro a Brasília e está previsto que chegue à Base Aérea dessa cidade por volta de meio-dia para em seguida se deslocar até o Congresso Nacional, onde acontecerá a cerimônia de posse.

Enquanto isso, Duque permanecerá em Cartagena de Indias onde em 2 de janeiro receberá a visita do secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, com quem tratará assuntos como a luta contra o narcotráfico, a aplicação do acordo de paz, o comércio e a resposta à crise da Venezuela.

A vice-presidência destacou em comunicado o Brasil como um "aliado estratégico" nas áreas de segurança e defesa, economia, cultura, agricultura e meio ambiente, entre outras.

"A agenda entre Colômbia e Brasil conta com um importante componente de diálogo político marcado por robustos mecanismos bilaterais, entre eles a Comissão Bilateral Colômbia-Brasil (...), a Comissão de Vizinhança e Integração e a Comissão Mista Cultural, Educativa e Esportiva", acrescentou.

Durante sua passagem de algumas horas pelo Brasil, Ramírez se reunirá com o administrador da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), Mark Andrew Green, com quem abordará "assuntos de cooperação bilateral regional".

Além de Ramírez, estarão presentes na posse de Bolsonaro o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu; os presidentes da Bolívia, Evo Morales; Chile, Sebastián Piñera; Honduras, Juan Orlando Hernández; Paraguai, Mario Abdo Benítez; Peru, Martín Vizcarra, e Uruguai, Tabaré Vázquez.

Além disso, Pompeo representará os Estados Unidos. EFE

Internacional