PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Maduro se apresenta na sede do Supremo para receber apoio de magistrados

24/01/2019 16h05

Caracas, 24 jan (EFE).- O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, se apresentou nesta quinta-feira na sede do Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) para receber o apoio dos magistrados, em meio à crise de legitimidade que atravessa e após a autoproclamação do deputado Juan Guaidó como presidente em exercício.

O líder chavista chegou ao TSJ acompanhado de sua esposa, Cilia Flores, e cumprimentou os juízes que lhe reconhecem como legítimo e que ordenaram o Ministério Público a empreender ações contra Guaidó, líder da Assembleia Nacional.

Parte da recepção dos magistrados a Maduro foi transmitida pela emissora estatal "VTV", que também nesta quinta-feira divulgou várias expressões de apoio ao presidente, como as mensagens de generais da Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) e do ministro da Defesa, Vladimir Padrino.

O magistrado Juan José Mendoza, presidente da Sala Constitucional do Supremo, mandou ontem que a procuradoria "tome medidas" de "maneira imediata" diante da conduta "delitiva" da direção do parlamento, controlado pela oposição, e que não reconhece Maduro como presidente.

"Esta sala exorta que o Ministério Público determine as responsabilidades que possam ter os integrantes da Assembleia Nacional diante da objetiva materialização de condutas constitutivas de tipo delitivo", disse Mendoza em uma declaração lida na presença de jornalistas.

Guaidó se autoproclamou ontem presidente em exercício diante do júbilo de centenas de milhares de venezuelanos que acompanharam a oposição em uma passeata por Caracas que tinha sido convocada para assinalar a suposta ilegitimidade de Maduro, que obteve sua reeleição em pleitos tachados de fraudulentos por vários países.

Embora vários países tenham manifestado seu reconhecimento a Guaidó como presidente, Maduro conta com o apoio de outras nações e com o dos altos cargos dos poderes públicos que hoje o acompanharam também no ato do Supremo. EFE

Internacional