PUBLICIDADE
Topo

Coautor do ataque à maratona de Boston é transferido para prisão federal nos EUA

Penitenciária federal em Florence, no Colorado, que abriga a chamada unidade "Supermax" de prisioneiros de alto risco, para onde Tsarnaev foi levado - Rick Wilking/Reuters - 21.fev.2007
Penitenciária federal em Florence, no Colorado, que abriga a chamada unidade "Supermax" de prisioneiros de alto risco, para onde Tsarnaev foi levado Imagem: Rick Wilking/Reuters - 21.fev.2007

Scott Malone

Em Boston

25/06/2015 21h10

O coautor do ataque à maratona de Boston, Dzhokhar Tsarnaev, foi transferido nesta quinta-feira (25) a uma penitenciária federal em Florence, no Colorado, que abriga a chamada unidade "Supermax" de prisioneiros de alto risco, disse um porta-voz da Agência de Prisões dos Estados Unidos.

Tsarnaev, 21, foi transferido para a instalação um dia depois de um juiz federal em Boston condená-lo formalmente à morte por injeção letal por ter matado quatro pessoas e ferido 264 no ataque de 15 de abril de 2013.

O porta-voz da agência, Edmond Ross, confirmou a transferência.

Tsarnaev estava sendo mantido numa prisão em Devens, Massachusetts, a oeste de Boston.

Na audiência de quarta-feira (24), depois de ouvir duas dezenas de sobreviventes do ataque e parentes de vítimas, Tsarnaev dirigiu-se ao tribunal pela primeira vez.

"Peço desculpas pelas vidas que tirei, pelo sofrimento que causei a vocês, pelo estrago que fiz, pelo estrago irreparável", ele disse.

Os detentos na penitenciária de segurança super máxima em Florence não têm companheiros de cela, e a recreação é solitária, de acordo com um ex-diretor da prisão federal que testemunhou durante o julgamento de Tsarnaev.