Suposto ataque aéreo do governo sírio mata rebeldes apoiados pela Turquia

ANCARA (Reuters) - Um helicóptero supostamente do Exército sírio lançou barris com explosivos contra rebeldes apoiados pela Turquia na terça-feira, informaram as Forças Armadas turcas, aparentemente no primeiro confronto direto com forças sírias desde que a Turquia lançou uma operação através da fronteira em agosto.

Um helicóptero "considerado como pertencente às forças do regime" bombardeou os rebeldes em um vilarejo perto de Akhtarin, uma cidade 5 quilômetros a sudeste de Dabiq, disse o Exército turco em comunicado. Dabiq é um antigo reduto do Estado Islâmico, que foi tomado pelos rebeldes das mãos dos jihadistas neste mês.

Dois rebeldes apoiados pela Turquia morreram e cinco ficaram feridos, disse o comunicado. O Exército sírio não pôde ser contactado de imediato para comentar.

(Reportagem de Tulay Karadeniz, em Ancara, e Tom Perry em Beirute)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos