Presidente da Total diz que acordo da Opep só é possível com participação da Rússia

PARIS (Reuters) - Um acordo para cortar a produção global de petróleo é possível, mas apenas se países de fora da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) concordarem em reduzir seu bombeamento, disse o presidente-executivo da petroleira francesa Total nesta quinta-feira.

"Isso seria possível apenas de se países de fora da Opep, incluindo a Rússia, concordassem em cortar (produção), porque a Arábia Saudita não irá carregar o fardo sozinha", disse Patrick Pouyanne em um fórum de energia em Paris.

A Opep irá realizar reunião em 30 de novembro para coordenar os cortes de produção acertados na Argélia em setembro, potencialmente com cooperação da Rússia.

(Por Bate Felix)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 5644 7762))

REUTERS GB RS

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos