SAP sinaliza otimismo com perspectivas de curto e longo prazos

FRANKFURT (Reuters) - A SAP, empresa de tecnologia com o maior valor de mercado na Europa, está confiante em relação às perspectivas para curto e longo prazos, não vendo obstáculos ao aumento dos dividendos anuais, disse nesta quarta-feira Luka Mucic, diretor financeiro da companhia.

Em entrevista à Reuters, ele disse que a SAP planeja manter rédeas curtas em aquisições nos próximos anos, após o modesto desembolso de 100 milhões de euros com acordos envolvendo negócios de tecnologia de pequeno porte.

A companhia aposta em crescimento orgânico do sistema S4/HANA, a maior remodelação do principal software em duas décadas, enquanto busca converter a base de clientes corporativos para computação em nuvem.

Mucic afirmou que, baseado no desempenho até agora, está confiante quanto à meta de lucro operacional de 6,5 bilhões a 6,7 bilhões de euros, sem considerar itens extraordinários, estipulada para 2016.

"Com os números do terceiro trimestre, nós elevamos nossa projeção. É o que fizemos, estamos confiantes sobre o decorrer deste ano", acrescentou o diretor financeiro.

De acordo com ele, a intenção da SAP é ampliar os lucros e a distribuição de dividendos. "Estamos confiantes de que nosso lucro em 2016 crescerá em relação ao ano anterior. Eu não vejo obstáculos para alta dos dividendos", disse.

Em 2015, a SAP pagou 1,15 euro por ação em dividendos.

(Por Harro ten Wolde e Ilona Wissenbach)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos