Governo oficializa Décio Oddone como novo diretor-geral da ANP

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O governo federal nomeou Décio Oddone como novo diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com mandato de quatro anos, após a aprovação de seu nome pelo plenário do Senado Federal, na semana passada, informou a autarquia nesta sexta-feira em comunicado.

Oddone havia passado por sabatina na Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado em 14 de dezembro e sua nomeação foi publicada nesta sexta-feira, no Diário Oficial da União (DOU).

Décio Oddone passou a maior parte de carreira na Petrobras, pela qual atuou no Brasil, Angola, Líbia, Argentina e Bolívia, onde foi presidente da subsidiária da empresa, e entre 2015 e novembro de 2016 foi diretor de Projetos de Óleo e Gás da Prumo Logística.

Felipe Kury também foi nomeado para diretor da autarquia, em publicação do DOU na quinta-feira. Kury atuou em empresas como IBM, Microsoft, Softbank e Thomson Reuters.

A data da posse de Oddone e Kury ainda não foi anunciada.

(Por Marta Nogueira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos