Trump pressiona democratas por muro na fronteira e busca evitar paralisação do governo

Por Julia Edwards Ainsley

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tentou pressionar os democratas nesta segunda-feira para que incluam fundos para seu polêmico muro na fronteira com o México na legislação sobre gastos, enquanto os parlamentares trabalham para evitar uma possível paralisação do governo federal.

A batalha oferece ao presidente republicano, cujos índices de aprovação despencaram desde que tomou posse, uma chance de conquistar sua primeira grande vitória legislativa ou ser arrastado para um impasse em Washington quando comemorar seus 100 dias no cargo no sábado.

Os republicanos controlam as duas casas do Congresso, mas um projeto de lei apoiado pela Casa Branca que substituiria a Lei de Saúde Acessível de seu antecessor Barack Obama, conhecida como Obamacare, não obteve apoio do partido como um todo e fracassou no mês passado.

Se não houver acordo sobre os gastos, partes do governo federal terão que parar de funcionar às 12h01 locais do sábado. Trump está exigindo que o Congresso inclua fundos para a construção do muro, que ele transformou em um dos principais temas de sua campanha presidencial em 2016 e que, segundo ele, irá conter o fluxo de imigrantes ilegais e de drogas para os EUA.

O projeto de lei de financiamento irá precisar dos votos de 60 dos 100 membros do Senado, onde os republicanos têm 52 cadeiras – o que significa que ao menos alguns democratas terão que apoiá-lo.

"O muro é uma ferramenta muito importante para impedir que drogas entrem aos montes no nosso país e envenenem nossos jovens (e muitos outros!). Se... o muro não for construído, o que será, a situação das drogas NUNCA será resolvida da maneira que deveria ser!", tuitou Trump nesta segunda-feira.

O Departamento de Segurança Interna estimou o custo total da barreira em cerca de 21,6 bilhões de dólares.

(Reportagem adicional de Susan Heavey, Doina Chiacu e Richard Cowan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos