Prefeito alemão conhecido por política imigratória liberal é ferido a facadas

BERLIM (Reuters) - O prefeito conservador de uma cidade pequena do oeste da Alemanha que é conhecido por sua política imigratória liberal foi esfaqueado no pescoço em uma barraca de lanches na noite de segunda-feira e ficou gravemente ferido.

Um homem que testemunhou o ataque na cidade de Altena disse à televisão alemã que um homem, provavelmente alcoolizado, esfaqueou o prefeito no pescoço com uma faca de 30 centímetros enquanto gritava críticas à sua política de asilo.

"As autoridades de segurança acreditam que houve um motivo político para o ataque", disse Armin Laschet, primeiro-ministro do Estado da Renânia do Norte-Vestfália.

O agressor foi preso, e procuradores estaduais de Hagen estão investigando o incidente como uma tentativa de assassinato, noticiou a mídia. Ninguém da Procuradoria estava disponível para comentar de imediato.

O prefeito de 57 anos, Andreas Hollstein, que escreveu um livro sobre sua luta contra a extrema-direita, ficou ferido seriamente, mas foi tratado em um hospital e disse que está em casa com a família.

Sob sua liderança, Altena recebeu mais refugiados do que a cota que lhe cabia.

A chanceler alemã, Angela Merkel, e outros políticos expressaram seu choque com a agressão.

"Estou horrorizada com o ataque a faca contra o prefeito Andreas – e muito aliviada de que ele já possa estar de volta à sua família. Também agradeço aqueles que o ajudaram", disse Merkel no Twitter por meio de seu porta-voz.

O ataque lembra o esfaqueamento de uma candidata à prefeitura de Colônia, Henriette Reker, dois anos atrás durante um ataque anti-refugiados

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos