Carles Puigdemont tem todo direito de liderar Catalunha, diz presidente do Parlamento regional

MADRI (Reuters) - O ex-líder da Catalunha, Carles Puigdemont, que está atualmente em autoexílio na Bélgica, tem todo o direito de ser eleito o novo presidente da região e não descartou a possibilidade de participar da posse em Barcelona, disse nesta quarta-feira o presidente do Parlamento catalão, Roger Torrent, em Bruxelas.

Puigdemont fugiu para Bruxelas pouco depois de realizar uma declaração de independência considerada ilegal por Madri, no fim de outubro, e pode ser preso por acusações de insubordinação e rebelião se retornar à Espanha.

(Reportagem de Sonya Dowsett)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos