PUBLICIDADE
Topo

May recebe prova de lealdade em meio a rumor sobre desafio à sua liderança

24/10/2018 16h01

Por William James e Kylie MacLellan e Elizabeth Piper

LONDRES (Reuters) - A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, recebeu uma demonstração de lealdade de seu Partido Conservador nesta quarta-feira durante uma reunião no Parlamento, desviando as atenções de rumores sobre um desafio iminente à sua liderança devido à sua estratégia para o Brexit.

May havia pedido para se dirigir ao poderoso "Comitê 1922" de seu partido dividido em meio às críticas persistentes dentro da sigla, que levaram a libra esterlina a atingir seu menor valor em sete semanas.

Mas sua chegada foi recebida com vivas, e alguns dos que a ouviram falar disseram que o encontro correu bem e que o partido se uniu em torno da premiê.

"Ela uniu o partido brilhantemente... bem, ao menos esta noite", disse um parlamentar presente.

Outro disse: "Foi uma boa reunião".

"Existe um apetite de união entre a maioria do partido porque os riscos são altos demais".

Faltando pouco mais de cinco meses para a saída do Reino Unido da União Europeia, previsto para 29 de março, a negociação de May empacou por causa da discórdia sobre uma solução de emergência para a fronteira entre a Irlanda e a Irlanda do Norte.

Muitos líderes empresariais e investidores temem que a política frustre um pacto, lançando a quinta maior economia do mundo em um Brexit sem acordo que assustaria os mercados e travaria as artérias do comércio.

May revoltou tanto apoiadores do Brexit quanto parlamentares pró-UE por ter sido incapaz de fechar um acordo em uma cúpula da UE da semana passada devido ao fato de ter aventado a possibilidade de prorrogar um período de transição pós-Brexit para ajudar a apaziguar as negociações travadas.

REUTERS LM