Oito funcionários de fábrica química no Texas são tratados após exposição a gás

(Reuters) - Oito pessoas foram levadas nesta segunda-feira ao hospital depois que um vazamento de gases tóxicos na fábrica de químicos Altivia, em La Porte, no Texas, foi contido, disseram autoridades locais.    O Gabinete de Gerenciamento de Emergências de La Porte afirmou que os bombeiros e o centro de controle de poluição do condado de Harris confirmaram que não havia “quantidades detectáveis de produtos imediatamente perigosos”, perto ou na direção do vento das instalações.    O anúncio vem após autoridades terem pedido que moradores ficassem em suas casas durante o vazamento de fosgênio na Altivia, uma produtora e transportadora de químicos que desenvolve derivativos do produto para as indústrias farmacêutica e do agronegócio.     “Oito pessoas foram transportadas da Altivia devido à exposição, e todas estavam estáveis no momento em que deixaram as instalações”, afirmou a juíza do Condado de Houston, Lina Hidalgo, em uma postagem na plataforma X, ex-Twitter.    O fosgênio é um gás incolor de odor sufocante como feno mofado, usado para a fabricação de outros químicos, pesticidas e produtos farmacêuticos, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA.    A exposição ao fosgênio pode causar vômitos, dificuldade para respirar, dor no peito e, em sua forma líquida, queimaduras.    Um porta-voz da Altivia não estava imediatamente disponível para comentar.    (Reportagem de Deep Vakil e Rahul Paswan em Bengaluru; reportagem adicional de Georgina McCartney em Houston)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora