Líderes do G7 prometem apoiar a Ucrânia "pelo tempo que for necessário"

KIEV (Reuters) - Líderes do G7 prometeram neste sábado apoiar a Ucrânia por quanto tempo for necessário em sua guerra contra a Rússia, e disseram que buscarão formas de fazer Moscou pagar pelos danos causados na invasão.

Os líderes do G7 realizaram uma conferência por vídeo com o presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskiy, para marcar o segundo aniversário da invasão russa, que já custou dezenas de milhares de vidas, deixou grandes faixas de terra devastadas e abalaram a economia local.

"No momento em que a Ucrânia entra no terceiro ano desta guerra implacável, seu governo e seu povo podem contar com o apoio do G7 pelo tempo que precisarem”, afirmaram os líderes do grupo em comunicado.