PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

Moro e Dallagnol seriam presos se medidas defendidas por eles tivessem sido aprovadas, diz Maia

Do UOL, em São Paulo

23/02/2021 12h42

No UOL Entrevista desta terça-feira (23), o deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ), ex-presidente da Câmara, disse que o ex-juiz federal Sergio Moro, que foi ministro da Justiça do governo Bolsonaro, e o procurador da República Deltan Dallagnol, ex-coordenador da Operação Lava Jato no Paraná, teriam sido presos se as 10 medidas contra corrupção defendidas por eles tivessem sido aprovadas pelo Congresso. "Estariam com muitas dificuldades hoje", afirmou.

Vídeos