Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2018/04/14/eua-reino-unido-e-franca-lancam-ataques-contra-a-siria.htm
  • totalImagens: 44
  • fotoInicial: 30
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20180414093633
    • Notícias [35976]; Internacional - Notícias [35978];
Fotos

Imagem da agência oficial síria Sana mostra a capital Damasco neste sábado; defesas aéreas sírias responderam aos ataques conjuntos de EUA, França e Reino Unido Sana/AP Mais

Artilharia antiaérea síria rasga o céu noturno de Damasco, capital do pais, na madrugada deste sábado (14), durante ataque aéreo realizado por EUA, Reino Unido e França Hassan Ammar/AP Mais

Artilharia antiaérea síria rasga o céu noturno de Damasco, capital do pais, na madrugada deste sábado (14), durante ataque aéreo realizado por EUA, Reino Unido e França Hassan Ammar/AP Mais

Mulher carrega retrato do presidente Bashar al-Assad durante protesto em Damasco contra os ataques à Síria Stringer/AFP Mais

Manifestantes carregam bandeiras e retratos do presidente Bashar Al Assad durante protesto contra o ataque de EUA, Reino Unido e França à Síria George Ourfalian/AFP Photo Mais

A porta-voz do Pentágono, Dana W. White, e o tenente-general Kenneth F. McKenzie fazem pronunciamento na manhã deste sábado sobre os ataques à Síria no final da noite de sexta-feira (13). De acordo com o general, todos os alvos foram atingidos Alex Wong/AFP Mais

Míssil Tomahawk é lançado do navio USS Monterey em direção a alvos militares em Damasco, na Síria Matthew Daniels/Marinha dos EUA/Reuters Mais

Tenente-general Kenneth F. McKenzie apresenta alvos militares destruídos no ataque à Damasco, na Síria, durante entrevista coletiva no Pentágono na manhã deste sábado (14) Saul Loeb/AFP Mais

Avião de guerra Tornado, da Força Aérea Real britânica, retorna à base em Akrotiri, no Chipre, após missão de ataque à Damasco, na Síria L Matthews/Força Aérea Real/AP Mais

Avião de guerra Tornado, da Força Aérea Real britânica, retorna à base em Akrotiri, no Chipre, após missão de ataque à Damasco, na Síria L Matthews/AP Mais

Centro de pesquisa científica sírio fica em escombros em Damasco após ataque de coalizão liderada pelos EUA, Reino Unido e França. O Pentágono afirma que todos os mísseis atingiram seus alvos, e que atacou instalações militares onde eram produzidas e armazenadas armas químicas Hassan Ammar/AP Mais

Soldado sírio filma escombros de centro de pesquisa científica em Damasco alvo do ataque aéreo realizado pelos EUA, Reino Unido e França na noite de sexta-feira (13) e madrugada de sábado (14). De acordo com o Pentágono, foram atacados apenas alvos militares e locais utilizados para produção e armazenamento de armas químicas Hassan Ammar/AP Photo Mais

Vista de Damasco, capital da Síria, na manhã deste sábado (14). Explosões foram ouvidas ao redor da cidade ao longo da noite passada e madrugada, durante ataque aéreo liderado pelos EUA em resposta a suposto ataque químico do governo sírio contra rebeldes na semana passada Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

Amanhece em Damasco, capital da Síria, após ataque aéreo iniciado pelos EUA, Reino Unido e França na noite de sexta-feira (13) Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

O governo de Bashar Al Assad levou jornalistas sediados em Damasco para um tour pela capital na Síria na manhã deste sábado (14). Os escombros fazem parte do Centro de Pesquisas e Estudos Científicos no distrito de Barzeh, no norte da cidade, um dos alvos atacados pela coalização liderada pelos EUA Louai Beshara/AFP Mais

A primeira-ministra britânica, Theresa May, durante coletiva de imprensa neste sábado (14), após o Reino Unido participar dos ataques aéreos a Damasco, capital da Síria Simon Dawson/Reuters Mais

O presidente norte-americano, Donald Trump, anuncia ataque à Síria durante pronunciamento na noite de sexta-feira (13) Mandel Ngan/AFP Mais

Míssil Tomahawk é lançado pela Marinha norte-americana do navio cruzador USS Monterey, na madrugada deste sábado (14). Estados Unidos, França e Reino Unido realizaram um ataque aéreo a Damasco, capital da Síria, após evidências de que a ditadura de Bashar Al Assad usou novamente armas químicas contra população em área controlada por rebeldes no país Kallysta Castillo/Marinha dos EUA/AFP Mais

Míssil Tomahawk é lançado pela Marinha norte-americana do navio cruzador USS Monterey, na madrugada deste sábado (14). Estados Unidos, França e Reino Unido realizaram um ataque aéreo a Damasco, capital da Síria, após evidências de que a ditadura de Bashar Al Assad usou novamente armas químicas contra população em área controlada por rebeldes no país Matthew Daniels/Marinha dos EUA/AP Mais

Conselho de Segurança da ONU realiza reunião de emergência na manhã deste sábado (14), na sede da organização em Nova York, nos EUA, após ataque aéreo contra a Síria feito por EUA, Reino Unido e França Li Muzi/Xinhua Mais

Policiais sírios chegam ao distrito de Douma, na zona rural a leste de Damasco, capital da Síria, neste sábado (14). Cerca de 93 ônibus com centenas de militantes do grupo rebelde Exército Islâmico fugiram da região, onde há suspeita de ataque com armas químicas por parte da ditadura de Bashar Al Assad Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

Tropas russas e sírias chegam ao distrito de Douma, na zona rural a leste de Damasco, capital da Síria, neste sábado (14), depois que 93 ônibus com centenas de militantes do grupo rebelde Exército Islâmico e suas famílias fugiram da região. Há suspeita de ataque com armas químicas por parte da ditadura de Bashar Al Assad no local Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

Imagem divulgada pelo governo norte-americano mostra o avião bombardeiro B-1B Lancer voando no mar da China em janeiro deste ano. Aeronaves do tipo foram utilizadas no ataque contra a Síria liderado pelos EUA na sexta-feira (13) Peter Reft/Força Aérea dos EUA/AFP Mais

Homem protesta com cartaz contra os ataques aéreos à Síria em frente a embaixada dos Estados Unidos em Moscou, neste sábado (14). A Rússia, aliada do regime da ditadura de Bashar Al Assad, convocou uma reunião de emergência no Conselho de Segurança da ONU Vasily Maximov/AFP Mais

O presidente Michel Temer disse que o mundo precisa encontrar uma solução para crise síria. Declaração foi feita neste sábado (14), durante evento da Cúpula das Américas, em Lima, capital do Peru Ivan Alvarado/Reuters Mais

Manifestantes protestam em frente à Casa Branca, em Washington, nos Estados Unidos, neste sábado (14), contra a escalada da violência na Síria e os ataques aéreos realizados por EUA, Reino Unido e França ao país do Oriente Médio Yuri Gripas/Reuters Mais

Bombardeio feito por coalização entre EUA, França e Reino Unido lançou mais de 100 mísseis e bombas contra a Síria; a capital Damasco foi atingida durante a madrugada de sábado (14) Governo Sírio/Divulgação/AFP Mais

Imagem do início de abril divulgada pelo Exército da França neste sábado mostra a fragata Fremm Provence, de onde partiram mísseis do ataque aéreo realizado na Síria Ministério da Defesa da França/Divulgação/AFP Mais

Jato pousa na base aérea britânica de Akrotiri, no Chipre, após participar de missão de bombardeio na Síria Yiannis Kourtoglou/Reuters Mais

Céú de Damasco é iluminado por mísseis terra-ar lançados pelo governo sírio durante ataque aéreo realizado por coalização entre EUA, Reino Unido e França Hassan Ammar/AP Mais

Míssil cai sobre Damasco, capital da Síria, na madrugada deste sábado (14), durante ataque aéreo realizado por EUA, Reino Unido e França Governo da Síria/Divulgação/AFP Mais

Manifestante queima bandeira norte-americana em protesto contra o ataque aéreo à Síria na frente da embaixada dos EUA em Atenas, na Grécia Yorgos Karahalis/AP Mais

Sírios andam de moto no distrito de Douma, a leste de Damasco, depois que forças de segurança sírias e russas ocuparam a região neste sábado (14). Mais cedo, cerca de 100 ônibus com combatentes do Exército Islâmico e suas famílias fugiram da região após acordo com o governo; distrito era um dos últimos bastiões rebeldes no país e há suspeita que o ditador Bashar Al Assad tenha atacado com armas químicas o local na semana passada Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

Sírios cercam caminhão da polícia militar russa no distrito de Douma, a leste de Damasco, depois que forças de segurança sírias e russas ocuparam a região neste sábado (14). Mais cedo, cerca de 100 ônibus com combatentes do Exército Islâmico e suas famílias fugiram da região após acordo com o governo; distrito era um dos últimos bastiões rebeldes no país e há suspeita que o ditador Bashar Al Assad tenha atacado com armas químicas o local na semana passada Ammar Safarjalani/Xinhua Mais

O embaixador russo nos Estados Unidos, Vasily Nebenzya vota a favor da proposição russa do Conselho de Segurança da ONU emitir uma declaração condenando a agressão contra a Síria efetuada pelos EUA e seus aliados Drew Angerer/Getty Images/AFP Mais

Votação no Conselho de Segurança da ONU sobre os ataques de EUA, Reino Unido e França na Síria Eduardo Munoz/Reuters Mais

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, veta a proposta russa para que o Comitê de Segurança emita declaração repudiando as agressões à Sìria feitas pelos EUA e seus aliados, neste sábado (14) Drew Angerer/Getty Images/AFP Mais

Imagem de satélite mostra o antes e depois de um dos alvos atacados na Síria nos arredores de Damasco Departamento de Defesa dos EUA Mais

Na imagem de satélite o satélite divulgou um dos alvos nos arredores de Homs, na Síria, antes e depois do ataque aéreo Departamento de Defesa dos EUA Mais

Suposto depósito de armas químicas bombardeado em ataque coordenado entre EUA, França e Reino Unido próximo a Homs, na Síria, antes e depois de ser bombardeado Departamento de Defesa dos EUA Mais

Vista da vizinhança de Barzeh, em Damasco, capital da Síria, na noite de sábado (14); durante a madrugada bairro foi alvo de ataque aéreo dos EUA, França e Reino Unido Ali Hashisho/Reuters Mais

Manifestantes protestam em Basra, no Iraque, contra os ataques aéreos sofridos pela Síria e realizados pelos EUA, França e Reino Unido na madrugada de sábado (no horário local sírio) Haidar Mohamed Ali/AFP Mais

Crianças brincam em parquinho de Damasco, capital da Síria, no sábado (14); depois dos ataques aéreos promovidos por EUA, França e Reino Unido Louai Beshara/AFP Mais

Avião bombardeiro B-1B parte da base norte-americana de Al Udeid, no Qatar, para atacar a Síria Força Aérea dos EUA/Divulgação/Reuters Mais

EUA, Reino Unido e França lançam ataques contra a Síria

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos