Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/ciencia/album/2016/11/01/veja-imagens-de-ciencia-do-mes-novembro2016.htm
  • totalImagens: 17
  • fotoInicial: 17
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20161101223236
    • Notícias [35976]; Ciência e Saúde [76752]; Ciência [45097];
Fotos

DIA DAS BRUXAS NÃO ACABOU - Uma foto do céu com uma espiral que lembra uma serpente foi a imagem escolhida pela ESA (Agência Espacial Europeia) para comemorar o Dia das Bruxas. A aurora boreal foi associada a uma tempestade solar que causou um enorme e repentino derramamento de partículas na atmosfera e embelezou o céu de Selfoss, uma cidade da Islândia D. Necchi/ ESA Mais

PILARES DA DESTRUIÇÃO - Em 1995, o telescópio Espacial Hubble da Nasa (Agência Espacial Norte-Americana) capturou imagens dos 'Pilares da Criação' mostrando a Nebulosa da Águia. Agora, astrônomos capturaram, usando o telescópio VLT (Very Large Telescope), da ESO (Observatório Europeu do Sul), imagens da nebulosa Carina, e apelidaram seu interior como 'Pilares da Destruição' que podem indicar como as estrelas são formadas. Eles encontraram uma ligação entre a radiação emitida por estrelas massivas próximas e as estruturas dos pilares propriamente ditos. Segundo a pesquisa, é possível que a radiação e os ventos estelares ajudem a criar caroços mais densos no interior dos pilares, os quais podem posteriormente dar origem a estrelas ESO/A. McLeod Mais

POR QUE ALGUNS ROEDORES TÊM LISTRAS? - Estudo publicado nesta semana pela revista Nature descreve os mecanismos que fazem alguns roedores, como ratos e esquilos, adquirirem listras pela pele. Os cientistas perceberam que há um mecanismo comum entre todos os roedores: na fase embrionária, um gene, que também suprime um regulador da produção de pigmento no cérebro, surge na região em que a listra surgirá futuramente. O fato foi visto em um rato africano e em um esquilo oriental. A pesquisa pode dar ideias para entender como listras surgem em outros animais, como zebras J. F. Broekhuis Mais

MALAS PRONTAS? - O astronauta Thomas Pesquet, da ESA (Agência Espacial Europeia), visita a espaçonave Soyuz MS-03, onde irá "viajar" no dia 17 de novembro ao lado do comandante Oleg Novitskiy para uma missão de seis messes na ISS (Estação Espacial Internacional) NASA?A. Vysotsky Mais

CONTRA MUDANÇAS CLIMÁTICAS - A Torre Eiffel é iluminada de verde com as palavras "O Acordo de Paris está feito" para celebrar que a resolução entrou em vigor em tempo recorde, menos de um ano depois de ter sido fechada em Paris, na França. Ao todo, 195 países concordaram com o texto que visa combater às mudanças climáticas Jacky Naegelen/ Reuters Mais

NEBULOSA ROSA E AZUL- O telescópio espacial Hubble fotografou a nebulosa planetária NGC 6818 e usou uma mistura de filtros para ressaltar as cores e "exibi-la em toda sua beleza", de acordo com a ESA (Agência Espacial Europeia). Essa linda nuvem de gás foi formada há cerca de 3.500 anos, quando uma estrela parecida com o Sol chegou ao fim de sua vida e ejetou suas camadas no espaço. Enquanto as camadas de material estelar se espalhavam elas ganhavam novas e incomuns formas ESA/ Hubble/ Nasa Mais

EVOLUÇÃO PLANETÁRIA - Os cientistas já sabem que os planetas se formam a partir de discos de gás e poeira situados em estrelas recém-nascidas, são os discos de formação planetária. Três equipes de astrônomos do ESO (Observatório Europeu do Sul) usaram um instrumento chamado SPHERE e conseguiram imagens nítidas de três discos diferentes. Com as figuras, os cientistas vão conseguir estudar com mais precisão como os planetas se esculpem a partir dos discos, ou seja, como os planetas nascem European Southern Observatory/ AFP Mais

MOLÉCULAS COLORIDAS - Cientistas divulgam nova técnica que permite ver as moléculas das células em cores distintas em microscópios de elétrons. Anteriormente, os equipamentos só construíam imagens em preto e branco. Um estudo publicado no jornal Cell Chemical Biology afirma que a mudança ajudará os pesquisadores a diferenciar as estruturas complexas de células e tecidos, como acontece nas conexões entre duas células cerebrais mostradas na imagem S.R. Adams Et Al/ Cell Chemical Biology 2016 Mais

NOVO DINOSSAURO DESCOBERTO - Pesquisadores divulgaram a imagem de um novo dinossauro, o Tongtianlong limosus. O fóssil do animal foi encontrado na China por agricultores, que estranharam as ossadas e contataram os cientistas. De acordo com a pesquisa, publicada na Nature, o oviraptorossauro (dinossauro que lembra um pássaro emplumado) estava em uma "pose" estranha, com os membros esticados e com o pescoço e a cabeça levantada. Como os pesquisadores não viram o fóssil em seu local de origem, ainda não se sabe o porquê da posição diferente. O animal estava na região de Ganzhou, conhecida por, nos últimos cinco anos, registrar a descoberta de seis grupos de oviraptorossauro de aproximadamente 72 milhões de anos atrás Mr. Zhao Chuang Mais

VIA LÁCTEA EM 3D - A missão espacial Gaia, da ESA (Agências Espacial Europeia), está pesquisando as estrelas da nossa galáxia para construir um mapa 3D preciso da Via Láctea. Lançada em 2013, a missão já gerou seu primeiro catálogo de mais de um bilhão de estrelas, o maior já levantado de objetos celestes até hoje. A imagem ajudará cientistas a responder perguntas sobre a estrutura, a origem e a evolução da Via Láctea ESA Mais

UMA ESTRANHA NO FORMIGUEIRO - A rã Lithodytes lineatus é diferente da maioria: ela se infiltra em formigueiros e consegue conviver com formigas sem levar nenhuma picada. As formigas saúvas são cortadeiras e costumam ter respostas agressivas. Porém, segundo artigo publicado na revista Behavioral Ecology and Sociobioly, a rã utiliza biomoléculas da pele e é capaz de inibir a resposta das saúvas, permitindo uma vida pacifica em formigueiros. A hipótese é que a rã se camufle quimicamente, ou seja, ela usa em sua pele substâncias químicas que imitam as substâncias usadas pelas formigas cortadeiras, fazendo com que as saúvas não notem que ela uma intrusa Acervo pesquisadora Albertina Lima/ Fapesp Mais

PREPARANDO A PARTIDA - A nave espacial Soyuz MS-03 chega à plataforma de lançamento na base de Baikonur, administrada pela Rússia e localizada no Cazaquistão. A próxima missão da Soyuz à ISS (Estação Espacial Internacional) transportará os astronautas Peggy Annette Whitson, da Nasa (Agência Espacial dos EUA) e Thomas Pesquet, da Esa (Agência Espacial Europeia), e o cosmonauta Oleg Novitskiy, da Roskosmos (Agência Espacial da Rússia) Kiril Kudryavtsev/AFP Mais

OS NOVOS HUMANOS NO ESPAÇO - Os astronautas Thomas Pesquet (à dir.), da França, Oleg Novitsky (ao centro), da Rússia, e Peggy Whitson (à esq,), dos Estados Unidos, acenam em Balkonur, no Cazaquistão, antes de embarcarem no foguete que os levará para a Estação Espacial Internacional. A equipe ficará cerca de quatro meses na estação conduzindo experimentos Kirill Kudryavtsev/AFP Mais

PARTIU PARA O ESPAÇO - Soyuz MS-03 é lançada e leva três tripulantes para a Estação Espacial Internacional. O lançamento foi realizado com ajuda de um foguete portador Soyuz-FG. A nave leva três astronautas. A viagem até à ISS deve durar dois dias. A expectativa é que a nave seja acoplada à estação no próximo sábado Kirill Kudryavtsev/AFP Photo Mais

ROSETTA FLAGRA GELO EM COMETA - No último ano, a sonda Rosetta flagrou gelo de dióxido de carbono do tamanho de um campo de futebol no cometa que acompanhava, algo nunca antes visto por cientistas em um cometa. Este fenômeno foi seguido pela aparição de dois grandes fragmentos de gelo de água, ambos maiores do que uma piscina olímpica e bem maiores do que quaisquer gelos já vistos em cometas. As três áreas com gelo estavam no hemisfério sul do cometa 67P/Churyumov?Gerasimenko. É a primeira vez que dióxido de carbono congelado é visto em um cometa, apesar de não ser incomum no Sistema Solar - é abundante nos polos de Marte, por exemplo Reprodução Mais

TATUAGEM QUE MONITORA O CORAÇÃO - Pesquisadores das universidades Colorado Boulder e Northwestern (EUA) desenvolveram uma espécie de holter (aparelho que grava os batimentos cardíacos durante o dia todo) com apenas quatro centímetros e que pode ser aplicado na parte interna do antebraço ou outras regiões. O dispositivo adere a pele como uma tatuagem temporária e reúne os mesmos dados de um eletrocardiograma Northwestern University, University of Colorado Boulder Mais

PRIMEIRAS IMAGENS DA EXOMARS - Cientistas da Agência Espacial Europeia divulgaram uma imagem aproximada de uma cratera chamada "Da Vinci", em Marte. A cratera tem menos de 1,4 km de diâmetro. A imagem foi registrada pelo sistema de imagem Cassis, que foi enviado na missão ExoMars, junto com a sonda Trace Gas Orbiter (TGO). Em outubro a missão teve problemas quando o módulo Schiaparelli caiu no solo do planeta durante o pouso e teve o computador de bordo danificado. O objetivo da TGO é avaliar gases raros na baixa atmosfera de Marte AFP/European Space Agency Mais

Veja imagens de ciência do mês (novembro/2016)

ÚLTIMOS ÁLBUNS DE UOL CIÊNCIA

UOL Cursos Online

Todos os cursos