Giro UOL traz os destaques da noite desta sexta, 28/04, para você

Luiz Gomes

Do UOL, em São Paulo

Nacho Doce/Reuters
Nacho Doce/Reuters

Um país em greve geral

Diversas capitais brasileiras amanheceram hoje com protestos por causa da greve geral convocada em todo país contra as reformas trabalhista e da Previdência propostas pelo presidente Michel Temer (PMDB). Muitas capitais ficaram sem transporte público, e em algumas cidades houve confronto entre policiais e manifestantes. No início da manhã, em São Paulo, ônibus, metrô trens não circularam. No Rio, o VTL parou e manifestações ocorreram no aeroporto Santos Dumont. Brasília, Belo Horizonte, Recife, Salvador Porto Alegre também foram algumas das capitais que ficaram sem ou parcialmente sem transporte público.
Compartilhe
Adriano Machado/Reuters
Adriano Machado/Reuters

"Não haverá recuo"

O presidente Michel Temer (PMDB) disse a auxiliares que não cogita abandonar a agenda de reformas e que "não haverá recuo". Ele ainda realçou que outros países tiveram que lidar com protestos e incompreensões para realizar reformas. Apesar de achar que a greve geral hoje foi menor do que o esperado, o governo vai adiar a votação que muda a Previdência, porque avalia que não tem os 308 votos necessários para aprovação na Câmara.
Compartilhe
Antonio Augusto/Câmara dos Deputados
Antonio Augusto/Câmara dos Deputados

Políticos x grevistas

"Não temos greve, o que temos é baderna generalizada". Foi assim que Osmar Serraglio (PMDB-PR), ministro da Justiça, definiu a paralisação em todo o país nesta sexta-feira. Outra declaração polêmica veio de João Doria (PSDB), prefeito de São Paulo, ao falar em entrevista sobre as manifestações marcadas para ocorrer em frente a casa dele. "Eu acordo cedo e trabalho. Eu não sou grevista que dorme, é preguiçoso e acorda tarde".
Compartilhe
Gilvan de Souza/C.R. Flamengo
Gilvan de Souza/C.R. Flamengo

As decisões nos estaduais

Você gosta de futebol? Então esse fim de semana promete bastante emoção com os primeiros jogos das finais dos campeonatos estaduais. Em São Paulo, Ponte Preta e Corinthians jogam às 16h no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Já Fluminense e Flamengo jogam no mesmo horário no Maracanã. Cruzeiro x Atético-MG, Internacional x Novo Hamburgo, Atlético-PR x Coritiba e Ferroviário-CE x Ceará são algumas das outras finais. A Copa do Nordeste também tem as semifinais entre Bahia x Vitória e Sport x Santa Cruz.
Compartilhe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos