Greve do metrô do DF é suspensa até segunda-feira (22)

Camila Campanerut
Do UOL Notícias
Em Brasília

Os trens do metrô do Distrito Federal voltam a funcionar normalmente nesta quarta-feira (17) e o trabalho será mantido até, pelo menos, a próxima segunda-feira (22). A decisão foi tomada depois de mais uma reunião entre a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) e os integrantes do Sindicato dos Metroviários (SindMetrô/DF).

Até segunda-feira, o Metrô deve analisar as contrapropostas feitas pelos metroviários, que baixaram todos os índices de reajustes propostos anteriormente. O principal deles, referente aos salários, caiu de 120% para 60%, enquanto a empresa do governo ofereceu apenas 5,1%, baseado no índice INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

"Vamos atender ao pedido do GDF e aguardar até o dia 22. Caso não haja um acordo após esse prazo, retomaremos a paralisação na terça-feira (23)", confirmou Alessandro Araújo da Silva, que integra a comissão de negociação do sindicato.

Em alguns pontos, as negociações avançaram, como a redução da carga horária dos pilotos, que muda de 40 horas para 30 horas semanais, como já acontece em outros locais do país. E os dias não trabalhados, ontem (15) e anteontem (16), não serão descontados do salário dos grevistas.

Veja as diferenças das duas propostas:

Auxílio-creche

Metrô oferece aumento de R$ 121,80 para R$ 133

Funcionários pedem aumento de R$ 121,80 para R$ 300

Vale-alimentação

Metrô oferece aumento de R$ 20,45 para R$ 24

Funcionários pedem de aumento de R$ 20,45 para R$ 30

Reembolso no plano de saúde

Metrô oferece aumento de R$ 133 para R$ 145 (cerca de 10%)

Funcionários pedem de aumento de R$ 133 para R$ 172 (cerca de 30%).

Gratificação

Metrô oferece aumento de 13% no salário da área operacional

Funcionários pedem de aumento 30% (já em abril)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos