Bomba caseira é jogada em sede de associação de amigos dos animais em SP

Eduardo Schiavoni

Colaboração para o UOL, em Ribeirão Preto (SP)

A Associação dos Amigos dos Animais de Nova Odessa (SP) sofreu um atentado na manhã nesta quinta-feira (7). Um motoqueiro passou pelo local e jogou um artefato explosivo dentro de um espaço onde estavam cerca de 500 animais retirados das ruas.

Nenhum animal foi diretamente atingido, mas todos respiraram a fumaça tóxica, que saiu do dispositivo. A instituição avalia eventuais danos à saúde dos animais e comunicou o caso a Polícia Civil, para investigação.

Segundo Carlos Eduardo Pinotti Junior, responsável pela associação e que estava no local no momento da explosão, por volta das 9h15 um motoqueiro passou pelo local portando um artefato explosivo montado a partir de uma lata de tinta do tipo spray.

O artefato foi jogado no canil da instituição, que abriga, além de cães, gatos e outros animais de pequeno porte. Houve uma explosão e a liberação de fumaça. A instituição informou que percebeu mudança de comportamento em alguns animais e que trabalha para identificar a substância da fumaça. Além dos animais, vizinhos também inalaram a fumaça e sentiram irritação nos olhos.

Pinotti Junior informou ainda não ter "nenhuma ideia" de quem possa ter sido o responsável pela ação. "Nosso trabalho é voluntário, não recebemos nada. Não sei quem poderia ter interesse em prejudicar um trabalho desses", disse.

Além da Polícia Civil, a própria associação está ajudando na busca pelos responsáveis. "Já começamos a verificar algumas câmeras de segurança de casas que ficam perto da nossa sede e vamos, se Deus quiser, identificar e punir os responsáveis", disse.
Investigação

A reportagem tentou falar com o delegado que responderá pela investigação no fim da tarde desta quinta-feira, mas foi informada que ele estava em diligência e só regressaria ao local na sexta-feira.

De qualquer modo, o inquérito já foi aberto para identificar o responsável. Se isso ocorrer, o autor da ação pode responder por dano qualificado com utilização de artefato explosivo. A pena máxima é de três anos de prisão.

Pinotti Junior ainda declarou que conta com a ajuda da população. "Se alguém tiver alguma informação, por favor nos mande mensagem. Os animais estão muito assustados e vamos ter que nos redobrar aqui pra dar conta das tarefas e dos custos envolvidos", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos