Em 2015, Brasília tem menor índice de homicídios dos últimos 23 anos

Da Agência Brasil

Ao divulgar nesta terça-feira (12) balanço das principais ações de segurança pública e estatísticas criminais no Distrito Federal em 2015, o governador Rodrigo Rollemberg e a secretária de Segurança Pública e da Paz Social, Márcia de Alencar, informaram que, ao longo do ano, houve queda de 21,5% no número de homicídios, mesmo com o aumento de 32,7% no último mês. O índice foi o menor desde 1992.

A redução do número de homicídios e do número de mortes no trânsito (11,5%) trouxe um resultado positivo ao balanço, segundo Rollemberg. "Tivemos resultados positivos, mas sabemos que isso nos apresenta um desafio muito maior, teremos que avançar no que se refere à segurança pública para uma redução ainda maior que o ano anterior", disse.

O furto em coletivos aumentou 136,4% em dezembro e os roubos em residências aumentaram 26,2%. Segundo o comandante-geral da Polícia Militar do Distrito Federal, coronel Nunes, o efetivo foi aumentado em 600 homens para combater esses crimes. "Aumentamos o policiamento em todas as regiões, principalmente nos locais com maior reincidência desses crimes. Estamos estudando para verificar se o saidão influencia o aumento desses roubos", afirmou Nunes.

Foram apreendidas mais de 2 mil armas de fogo, o que, segundo o coronel, ajuda na redução de roubos e homicídios. Quanto à fiscalização de veículos, foram abordadas mais de 1,3 mil pessoas, mais de 383 mil veículos e mais de 46 mil coletivos. Aproximadamente 256 mil ocorrências foram atendidas e mais de 3 mil celulares foram recuperados após furtos.

A PM do Distrito Federal atendeu a cerca de 21 mil adolescentes no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), mais de 29 mil no Programa de Educação Ambiental (Prealg). Mais de 5 mil atendimentos do policiamento de prevenção à violência doméstica (Provid) foram feitos.

No último ano, as ações de prevenção do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal atenderam a mais de 1.600 crianças no Programa Bombeiro Mirim e 33 crianças e jovens participaram do projeto de taekwondo. Além disso, 898 idosos foram atendidos no programa Bombeiro Amigo, e mais de 800 aferições de pressão foram feitas pelo programa Caminhando com a Saúde.

O Corpo de Bombeiros do Distrito Federal coletou 1.450 litros de leite materno em 2.454 visitas, para abastecimento dos bancos de leite dos hospitais da região. Foram feitas 1.900 visitas para prevenção e combate à dengue e à chikungunya, com 225 focos identificados.

O Departamento de Trânsito (Detran) autuou 660 condutores pela ingestão de alcool, antes que se envolvessem em acidentes. Durante as ações do Detran, mais de 2 mil veículos foram apreendidos e 1.312 liberados. Foram expedidas 5.608 novas habilitações e mais de 111 mil veículos foram licenciados. Mais de 1,2 mil sinalizações tiveram de ser substituídas e recuperadas e 15 faixas de pedestres foram pintadas e implantadas.

A PCDF instaurou mais de 33 mil inquéritos, com aumento de 5,2% de termos circunstanciados e de 14,3% no número de procedimentos de apuração de infrações.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos