MP abre inquérito sobre novo deslizamento de terra em Minas Gerais

Rayder Bragon

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte

  • Reprodução/Corpo de Bombeiros MG

    Deslizamento em área de mineradora em Mateus Leme

    Deslizamento em área de mineradora em Mateus Leme

O MP-MG (Ministério Público de Minas Gerais) abriu inquérito para investigar deslizamento de terra que provocou a ruptura de uma cava da mineradora Minerita, na cidade de Mateus Leme, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, na terça-feira passada (19).

O deslizamento, segundo a prefeitura local, provocou o desvio de parte da enxurrada que era direcionada para um dique de mineração da empresa. Uma das hipóteses levantadas para o deslocamento da terra seria o acúmulo de água de chuva na encosta, já que choveu na cidade, em três dias, o esperado para o mês inteiro de janeiro.

A empresa nega que tenha havido rompimento de alguma de suas barragens ou diques. O deslizamento não resultou em vítimas. Entretanto, ao menos duas propriedades rurais foram atingidas por lama, segundo a prefeitura.

No entanto, de acordo com a assessoria do MP, o promotor de Justiça Almir Geraldo Guimarães, da Promotoria de Mateus Leme, instaurou inquérito nesta quarta-feira (20) e solicitou aos órgãos ambientais, que têm prazo de 15 dias para responder, informações sobre o empreendimento.

Ainda por pedido do promotor, uma equipe de técnicos da Ceat (Central de Apoio Técnico) do Ministério Público esteve no local para avaliar a situação. A análise dos profissionais e as informações que serão repassadas pelos órgãos ambientais vão ser utilizadas pelo MP para "caso seja necessário, tomar as medidas cabíveis", trouxe nota da assessoria.

O caso foi acompanhado pela defesa civil municipal e pela Secretaria de Meio Ambiente, juntamente com a Copasa (Companhia de Saneamento de Minas Gerais), que negou ter havido anormalidade na qualidade da água dos córregos que deságuam no lago do reservatório Serra Azul. O reservatório é um dos que abastecem a capital mineira e a região metropolitana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos