Rio de Janeiro

PM em serviço tem pistola furtada durante tumulto em bloco no Rio

Do UOL, no Rio

  • Zulmair Rocha/UOL

    Foliões brigaram dentro do "Cordão da Bola Preta", no centro do Rio, neste sábado

    Foliões brigaram dentro do "Cordão da Bola Preta", no centro do Rio, neste sábado

Um policial militar que participava do policiamento do desfile do bloco carnavalesco "Cordão da Bola Preta", no centro do Rio de Janeiro, teve a sua arma furtada no início da tarde deste sábado (6).

O PM, que não teve o nome divulgado, integra o 17º BPM (Ilha do Governador). Segundo a corporação, ele prestou depoimento na 5ª DP (Mem de Sá). A Polícia Civil informou que agentes da delegacia estão realizando "diligências na busca de informações que possam ajudar a descobrir a autoria do crime".

De acordo com a Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio), mais de um milhão de pessoas seguiram o bloco, que é o maior e mais antigo da cidade --desfilou pela 98ª vez este ano.

O desfile dos foliões foi marcado por brigas e confusões. Sobrou até para a atriz Leandra Leal, porta-estandarte do Bola Preta, que foi atingida por uma latinha, arremessada de fora do cordão de isolamento.

O furto da arma do policial, uma pistola de calibre 380, teria ocorrido em um destes tumultos. De acordo com o Comando do 5º Batalhão da PM, duas pessoas foram presas durante o desfile. 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos