PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Ação da polícia deixa feridos na Cidade de Deus, e moradores fecham ruas em protesto

Moradores fecham avenida com barricadas em protesto contra operação da polícia - Reprodução/Facebook
Moradores fecham avenida com barricadas em protesto contra operação da polícia Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, no Rio

23/03/2017 19h23

Ao menos quatro moradores da favela Cidade de Deus, na zona oeste do Rio de Janeiro, foram baleados durante uma operação da Polícia Civil realizada no fim da manhã desta quinta-feira (23).

As vítimas foram encaminhadas para a UPA (Unidade de Pronto atendimento) da Cidade de Deus e depois transferidas para o Hospital Municipal Lorenço Jorge. A Secretaria de Saúde informou apenas que os quatro – três homens e uma mulher, sem idade confirmada -- estão em cirurgia e que ainda não é possível saber seu estado de saúde.

Moradores baleados Cidade de Deus - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Ao menos quatro pessoas foram baleadas durante ação da Polícia na Cidade de Deus
Imagem: Reprodução/Facebook
Em protesto contra a operação, moradores da favela fecharam a Estrada Marechal Miguel Salazar Mendes de Moraes com barricadas por cerca de três horas. De acordo com o Centro de Operações Rio, os dois sentidos da via já foram liberados.

A assessoria de imprensa da Polícia Civil comunicou apenas que equipes da Coordenadoria de Recursos Especiais foram à Cidade de Deus em apoio a uma operação da Divisão de Homicídios.

O local, que conta com uma UPP desde 2009, tem sido palco de tiroteios frequentes. Há quatro meses, no fim de novembro, após a queda de um helicóptero da Polícia Militar, sete corpos foram encontrados na mata conhecida como Brejo, na região do Karatê. Até hoje as mortes não foram esclarecidas.

Cotidiano