Polícia prende suspeito de jogar menina de 6 anos em rio dentro de mala

Do UOL, em São Paulo

A Polícia Civil do Rio de Janeiro (RJ) prendeu nesta sexta-feira (4) o suspeito de ter estuprado, agredido e assassinado uma menina de seis anos no bairro do Engenho Novo. Ágatha Nicole Silva Victorino teria sido colocada, ainda viva, dentro de uma mala, que foi jogada em um rio na rua Visconde de Santa Cruz. O suspeito teria se entregado à polícia e confessado o crime.

O suspeito é um vizinho da menina, Alexandre da Silva Alves, 43, detido com base em um mandado de prisão temporária. Segundo a polícia, Alves atraiu Ágatha até a sua casa na noite de quinta-feira (3), onde a estuprou e agrediu. Imagens de uma câmera de segurança registram o momento em que o suspeito joga a mala no córrego.

O corpo da menina, que morreu afogada, foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros na sexta-feira com hematomas na cabeça e sinais de violência sexual. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos