Jovem carioca desaparece após show e festa rave em SP

Lucas Borges Teixeira

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/Facebook

    Mateus Pagalidis, natural de Cabo Frio-RJ, desapareceu depois de ir a show em SP

    Mateus Pagalidis, natural de Cabo Frio-RJ, desapareceu depois de ir a show em SP

Um jovem de Cabo Frio, município da Região dos Lagos do Rio de Janeiro, está desaparecido desde a madrugada de domingo (3) depois de sair de uma festa em São Paulo. Segundo relatos, Mateus Pagalidis foi visto pela última vez na região da ponte da Casa Verde, ao pular de um táxi.

Pagalidis, 26, e o amigo Alexandre Pillar foram para São Paulo neste final de semana para ir a um show da banda americana The Get Up Kids no sábado (2) em uma casa de shows em Pinheiros, zona oeste da capital.

Depois do show, os jovens voltaram ao hotel, na rua Pedroso de Moares, próximo ao local. Alexandre Pillar saiu para jantar com um casal de amigos, enquanto Pagalidis decidiu ir a outro local. "Ele me disse que queria ir a uma festa rave no Ipiranga, chamada Carlos Capslock", conta o amigo ao UOL. "Nós estávamos dividindo o quarto. Eu voltei entre 2h e 3h da madrugada e ele não estava. Mas achei que só chegaria de manhã mesmo."

Por volta das 6h, Alexandre foi acordado por uma ligação de um taxista. Segundo o homem, ele estava com Mateus no seu carro. "Ele me falou que Mateus estava alucinado, não falava nada com nada", lembra o jovem. "Passou telefone e ele me disse que tinha sofrido um golpe, que tinham drogado ele. Falei com o taxista de novo e pedi para trazê-lo para o hotel."

Preocupado, Alexandre, amigo do jovem há 15 anos, voltou a falar com o motorista pouco depois. "Ele me disse que o Mateus abriu a porta do carro em movimento na região da Ponte da Casa Verde, na Barra Funda. Aí o homem parou e tentou segurá-lo, mas ele saiu correndo", afirma o amigo.

Alexandre conta que suspeitava que o taxista poderia fazer parte do golpe, por isso já havia avisado os seguranças do hotel. "Mas, depois, conversando com ele mais vezes e com mais calma, vi que estava bem intencionado. Ainda procurou o Mateus pela região."

Segundo o relato do motorista ao amigo, Mateus teria invadido o seu carro na Praça da República, no centro de São Paulo. Uma jovem comentou no Facebook da namorada de Alexandre que viu um jovem parecido com o amigo pedindo dinheiro da estação de metrô da praça por volta das 5h do domingo.

Alexandre conta que há relatos confusos sobre a saída de Mateus da festa. "Um amigo em comum, que mora no bairro, confirmou que o viu lá por volta das 3h da manhã", relata o jovem. "O hotel confirmou que ele pediu um táxi direto para o Ipiranga, então não encontrou ninguém antes."

"O único fato que está em aberto é como ele saiu do Ipiranga e chegou à República", afirma Alexandre. "Não sabemos se ele foi coagido ou forçado a entrar em um carro, se pediu ajuda e foi parar lá..."

Sozinho na capital paulista, Alexandre fez um boletim de ocorrência on-line e o alerta para procura foi feito por volta das 17h do domingo. A namorada de Mateus já está em São Paulo e a família deve chegar na tarde desta segunda-feira (4).

Além de acionar a polícia, os amigos também abriram uma página no Facebook "Ajudem a Encontrar Mateus Pagalidis desaparecido na Ponte da Casa Verde" para reunir informações sobre o desaparecimento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos