PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
5 meses

Rio: Vereadora do PSOL denuncia perseguição e ameaças de ex

Thaís Ferreira disse que teve que sair de casa - Renan Olaz/Câmara de Vereadores do Rio
Thaís Ferreira disse que teve que sair de casa Imagem: Renan Olaz/Câmara de Vereadores do Rio

Colaboração para o UOL

28/05/2021 17h37Atualizada em 28/05/2021 18h16

A vereadora do Rio de Janeiro Thaís Ferreira (PSOL) denunciou que foi ameaçada e está sendo perseguida por um ex-companheiro. Em um vídeo postado hoje seu perfil no Instagram, a parlamentar conta que chegou a sair de casa por medo.

"Hoje estou impedida de exercer o meu direito de ir e vir com liberdade, estou deslocada do meu território, fora da minha casa, em um lugar seguro para mim e para meus filhos, porque estou sendo ameaçada e perseguida por um ex-companheiro", disse a vereadora.

Mãe de dois filhos, Thaís disse que na noite de quarta-feira (25), o ex esteve na porta de sua casa para ameaçá-la na frente de sua mãe. Ela afirma que vem sofrendo falsas acusações, abusos e violência psicológica.

Estou denunciando essa violência nas instâncias competentes, pois não podemos nos mover por vingança, mas pela luta por direitos. Se a busca por justiça pode ser uma ferramenta para garantia dos meus direitos e dos direitos dos meus filhos de serem livres, assim o farei
Thaís Ferreira

A vereadora conta que resolveu expor o caso para encorajar outras mulheres que sofrem de violência doméstica a procurarem ajuda.

"Espero com isso incentivar que todas as mulheres violentadas não sintam medo de denunciar e buscar seus direitos. Eu não terei vergonha de ser mulher, de ser preta e não serei refém de violência alguma", defendeu.

Procurada pelo UOL, a assessoria de imprensa da vereadora disse que "em respeito aos processos legais", ela não falará com a imprensa "para que não haja nenhum tipo de desgaste e interferência no curso das investigações".

"O objetivo da vereadora não é fazer sensacionalismo em torno da violência que vítima mulheres em toda a cidade o tempo todo. Dessa forma, ela solicita que seja respeitado seu momento e sua privacidade", informou a assessoria, em nota.

Cotidiano