Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Noivos são internados após comerem 'presente' na véspera do casamento em MG

Dione Quirino, de 35 anos, e Amanda Cássia Lopes, de 27, celebrariam casamento no civil e na igreja, hoje e amanhã Imagem: Reprodução/ Arquivo pessoal

Do UOL, em São Paulo

24/09/2021 21h54Atualizada em 24/09/2021 22h17

Dione Quirino, de 35 anos, e Amanda Cássia Lopes, de 27, se casariam hoje, em cartório de Jaíba, no norte de Minas Gerais, e celebrariam união religiosa neste sábado, mas o plano acabou interrompido e ambos estão internados num hospital, após comerem bombons, dados como presente de casamento a ambos, na tarde de ontem. O cachorro da família morreu após ingerir um pedaço do doce.

A Polícia Civil deteve uma mulher, por volta das 21h desta sexta-feira (24). Ainda não há certeza se houve crime no episódio, mas a investigação trabalha com a possibilidade de envenenamento do casal, motivado por ciúmes, e suspeita de uma ex do noivo, que não teve a identidade revelada. Em depoimento inicial, o casal afirmou que ela não concordava com a união e já teria dito antes que ele "não seria feliz com ninguém".

O incidente se desenvolveu na tarde de ontem. Dione e Amanda estavam na companhia da mãe, cunhada e sobrinha de Amanda. "Eles estavam almoçando. Chegou esse presente de casamento porque minha irmã casaria hoje. Eram seis taças e bombons", explica Gustavo Henrique Lopes da Silva, irmão da noiva, ao UOL.

Segundo ele, a caixa foi entregue ao casal por um taxista, por volta do meio-dia, e outras pessoas que estavam no imóvel, incluindo a sua mulher, experimentaram o doce e passaram mal. "Minha esposa foi para casa rapidamente, porque ela já chegou vomitando, perdendo a visão. Minha mãe do mesmo jeito, assim como meu cunhado e minha irmã", detalha. "Chamei dois colegas meus que têm carro e levamos eles para o hospital".

A sobrinha da noiva foi encaminhada a um hospital da cidade de Janaúba (MG), mas já foi liberada. O casal, a mãe e a cunhada de Amanda seguem em observação, com previsão de alta na segunda-feira (27).

Noivos informaram receberam o "presente" de casamento na hora do almoço Imagem: Reprodução/ Arquivo pessoal

De acordo com a Polícia Militar, o médico que atendeu as vítimas apontou que eles tiveram um quadro de síndrome colinérgica grave após intoxicação, condição caracterizada por alterações do estado mental e fraqueza muscular.

Os bombons restantes foram apreendidos pela perícia técnica. O corpo do cachorro da família passará por exames no Instituto Médico Legal, em Belo Horizonte.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Noivos são internados após comerem 'presente' na véspera do casamento em MG - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL

Cotidiano