Conteúdo publicado há 2 meses

Na zona sul, a cada quatro presos, um é reincidente, diz secretário do Rio

A cada quatro presos na zona sul do Rio de Janeiro, um é reincidente, afirma o secretário da PMERJ (Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro), coronel Luiz Henrique Marinho, durante entrevista no UOL News da tarde desta quinta-feira (7).

Não é só no Rio, as polícias no Brasil no geral vêm fazendo o seu papel e cumprindo a sua atribuição. É uma questão da gente entender a percepção da impunidade. Temos um exemplo de uma faixa de reincidência considerável na zona sul da cidade para cada quatro [presos], um é reincidente. Se tem reincidência é porque estamos trabalhando. coronel Luiz Henrique Marinho, secretário da PMERJ

Agora por que ele está voltando a cometer o delito? É isso que a gente tem que entender. O que está falhando nesse sistema para que ele volte a cometer o delito? Em alguns tipos de delito, práticas delituosas, os elementos não merecem receber benefícios que a Lei apresenta e propõe. Isso acaba trazendo problemas e não é só no Rio de Janeiro, todos os estados acabam acontecendo isso. coronel Luiz Henrique Marinho, secretário da PMERJ

O coronel Luiz Henrique Marinho aborda sobre a necessidade da revisão da lei, para que haja restrições do convívio de criminosos na sociedade.

"A legislação tem que ser revisada, não é aceitável que uma pessoa que já passou [pelas prisões] 10, 15 vezes continue nesse convívio na sociedade". coronel Luiz Henrique Marinho, secretário da PMERJ

O secretário também afirma que não é aceitável que a impunidade leve a mais crimes.

Alguma coisa está falhando. A gente tem que entender onde está essa falha, o que pode ser feito para que isso possa ser corrigido. Não é aceitável. coronel Luiz Henrique Marinho, secretário da PMERJ

Não é compreensível o fato lamentável que aconteceu na orla de Copacabana alguns dias atrás de um elemento ter sido preso, em menos de 24 horas estar solto e acaba cometendo um delito que veio a tirar a vida de um rapaz. Temos que entender e discutir isso. Essa discussão tem que ser rápida. Urgente! Precisamos disso imediatamente. coronel Luiz Henrique Marinho, secretário da PMERJ

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h com apresentação de Fabíola Cidral e às 17h com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Continua após a publicidade

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes