Conteúdo publicado há 1 mês

Imagens mostram como ficou apartamento de coronel após explosão em Campinas

Imagens divulgadas neste domingo (3) pelo Fantástico, da TV Globo, mostram como ficou o apartamento de Virgilio Parra Dias, coronel reformado do Exército, após a explosão em Campinas (SP) em 25 de fevereiro.

O que aconteceu

O vídeo, feito por familiares do militar, mostra a área de serviço do apartamento parcialmente incendiado, com objetos queimados. Um deles parece ser um aquecedor de água a gás.

Em outro momento da gravação, um micro-ondas e uma prateleira aparecem derretidos pelo fogo. Uma porta de madeira também aparece queimada e jogada ao chão.

As marcas nas paredes e na mobília mostram, segundo o Fantástico, que o incêndio teria se espalhado a partir do lugar onde ficava o arsenal, que tinha 111 armas e munições. A perícia investiga os números exatos dos equipamentos e a causa do incêndio.

Gravações de câmeras de segurança obtidas pelo programa mostram que o incêndio começou quando o coronel deixava o prédio de carro. Ele já estava fora do local quando voltou ao ser chamado pelo zelador, que percebeu que o problema era em seu apartamento.

Virgílio aparece nas imagens andando lentamente entre os vizinhos. Um dos moradores, que leva uma criança, parece reclamar com o coronel, que não muda de postura.

O tenente Rafael Vieira, um dos bombeiros que atuaram no local, disse ao Fantástico que o barulho não parava e projéteis batiam nas paredes do primeiro andar. "Batiam na parede e corriam pro nosso pé. Teve uma explosão mais forte que derrubou a parede ali do apartamento para o hall".

O militar possui registro ativo de CAC (Colecionador, Atirador e Caçador), segundo informou ao UOL o Comando Militar do Sudeste. Ele atuava como instrutor de tiro.

Área de serviço do apartamento queimada após explosão
Área de serviço do apartamento queimada após explosão Imagem: Reprodução/Fantástico

Deixe seu comentário

Só para assinantes