Conteúdo publicado há 1 mês

Padre acusado de atropelar homem que furtou igreja é absolvido

O júri absolveu o padre Gustavo Trindade dos Santos da acusação de homicídio qualificado. Ele atropelou um homem que havia furtado itens da paróquia em maio de 2022.

O que aconteceu

No dia 7 de maio de 2022, no centro da cidade de Santa Cruz do Rio Pardo (SP), o padre atropelou Ângelo Marcos dos Santos Nogueira.

Uma câmera de segurança flagrou o atropelamento. O padre fugiu sem prestar socorro.

Gustavo Trindade dos Santos foi acusado de homicídio qualificado por recurso que dificulte ou torne impossível a defesa da vítima.

A vítima morreu dois meses depois em decorrência do atropelamento.

Segundo a polícia, a vítima arrombou uma janela e entrou na casa paroquial. Ele teria fugido do local levando três moletons e uma camiseta.

No momento em que o homem foi socorrido, ele estava com peças de roupas levadas da paróquia.

Deixe seu comentário

Só para assinantes