PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Menino cria dispositivo para evitar que bebês sejam esquecidos em carros

A invenção de Andrew Pelham impede que pais esqueçam crianças dentro do carro - Andrew Pelham/Reprodução
A invenção de Andrew Pelham impede que pais esqueçam crianças dentro do carro Imagem: Andrew Pelham/Reprodução

Do UOL, em São Paulo

01/07/2014 11h21

Um dispositivo criado por um estudante americano de 12 anos pode ajudar a salvar a vida de crianças ao impedir que elas sejam esquecidas em carros e acabem morrendo devido ao calor dentro dos veículos. 

Andrew Pelham criou no ano passado o E-Z Baby Saver, uma faixa feita de elásticos e fita adesiva. Confeccionada em cores bem chamativas, a faixa é presa ao assento do motorista e à maçaneta da porta dianteira do carro. Ao abrir a porta para deixar o veículo, o motorista fica "preso" pela faixa. O objetivo é chamar a atenção dos pais para que se lembrem de checar os bancos traseiros ao sair do carro. 

O americano Andrew Pelham tem 12 anos e inventou um dispositivo que impede que pais esqueçam crianças no carro - Andrew Pelham/Reprodução - Andrew Pelham/Reprodução
Andrew Pelham tem 12 anos e mora no Tennessee (EUA)
Imagem: Andrew Pelham/Reprodução

Recentemente, Andrew ganhou um concurso nacional para jovens inventores e diz que a atenção da mídia tem sido intensa. 

Mortes

A invenção do menino ganhou destaque novamente nas últimas semanas, após a morte de uma criança de 1 ano e 10 meses, que foi deixada por mais de sete horas dentro de um carro na Georgia, nos Estados Unidos. 

No dia 18 de junho, Justin Ross Harris, 33, deveria ter levado seu filho Cooper até a creche, mas foi até seu local de trabalho com a criança no carro e a deixou lá. Ele alega que se esqueceu do filho no banco traseiro. De acordo com a polícia, naquele dia, a temperatura à tarde passou dos 30°C. Harris foi preso e está sendo investigado por assassinato e crueldade contra a criança

De acordo com o site The Huffington Post, em 2013, 44 crianças morreram vítimas de calor excessivo após serem esquecidas em carros nos Estados Unidos. Desde o início deste ano, outras 13 mortes de crianças foram causadas pelo mesmo motivo. 

Internacional