Explosão em fábrica da BASF na Alemanha deixa ao menos dois mortos e seis feridos

Do UOL, em São Paulo

Uma explosão em uma fábrica da BASF em Ludwigshafen, no oeste da Alemanha, nesta segunda-feira (17), deixou pelo menos dois mortos, dois desaparecidos e seis pessoas gravemente feridas, informaram as autoridades locais. Outras seis pessoas estão desaparecidas.

O acidente aconteceu às 11h20 locais (7h20, de Brasília) em dutos do porto norte, onde a fábrica da BASF se abastece com gás liquefeito e petróleo, e os produtos químicos lançados na atmosfera poderiam representar um risco para a população nos arredores do complexo industrial.

AFP PHOTO/dpa/Ulli ZIEGENFUSS
Imagem aérea mostra incêndio em complexo industrial da BASF

A empresa afirmou, em comunicado, que a explosão aconteceu "durante os trabalhos em alguns dutos, que causaram um incêndio" e "não representa risco" algum para a população local.

Xinhua/Uwe Anspach/DPA/ZUMAPRESS
Bombeiros tentam apagar fogo após a explosão no campo da Basf

As autoridades em Ludwigshafen pediram que os moradores evitem permanecer em espaços abertos depois que várias pessoas denunciaram problemas para respirar por causa da forte deflagração, que provocou um incêndio e uma grande coluna de fumaça preta.

A própria empresa também pediu aos moradores de Ludwigshafen que "evitem permanecer em espaços abertos e mantenham portas e janelas fechadas".

O acidente aconteceu apenas algumas horas depois de um incidente em outra fábrica da BASF, em Lampertheim, onde são produzidos aditivos para plásticos.

Neste incidente, um filtro explodiu por motivos que ainda não foram esclarecidos, segundo a empresa, mas sem que houvesse emissão de gases tóxicos perigosos para a atmosfera.

A BASF reconheceu que quatro trabalhadores ficaram feridos neste primeiro incidente e tiveram que ser transferidos para um hospital próximo.

As atividades foram paralisadas nos dois centros industriais afetados. Com isso, a BASF já acumula 16 interrupções de produção em algumas de suas unidades alemãs neste ano, em comparação com os 13 incidentes registrados no conjunto de 2015. (Com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos