Filha do dono de barco com turistas morre em naufrágio na Colômbia

Colaboração para o UOL

A intensa tempestade que acometeu a cidade de Guatapé e provocou o naufrágio de um barco turístico com dezenas de pessoas a bordo na noite deste domingo, na Colômbia, fez com que o município declarasse estado de calamidade pública.

Segundo o jornal "El Tiempo", uma das sete vítimas, Valentina Jaramillo, era filha do dono da embarcação batizada como "El Almirante".

As autoridades seguem em busca de outras 15 pessoas desaparecidas, de modo que o número de vítimas ainda pode crescer. A cidade está localizada a 80 km de Medellín e já foi visitada pelo presidente colombiano Juan Manuel Santos. "Neste momento, estamos coordenando as equipes de resgate nas águas da represa", informou a conta oficial de Guatapé no Twitter.

"São 133 pessoas que saíram vivas, sete falecidos e 15 desaparecidos", disse o diretor da Unidade Nacional para Gestão de Risco de Desastres (UNGRD), Carlos Iván Marquez, ao jornal "El Tiempo". Outra preocupação é a alta incidência de raios e tempestades elétricas sobre a represa.

O governador do estado de Antioquia, Luis Pérez Gutiérrez, explicou que a operação está sendo executada por cinco grupos diferentes, cada um formado por seis mergulhadores. "O propósito é resgatar os corpos que se encontram no fundo da represa", disse.

A prefeitura optou por declarar estado de calamidade pública para facilitar as buscas e a atenção emergencial. Portanto, a navegação está proibida inicialmente durante esta segunda-feira (26), feriado na Colômbia no qual os passeios de barco pela represa costumam ser atração turística.

O prazo pode ser estendido para esta terça se houver necessidade. Em entrevista à rádio Caracol, um passageiro afirmou que não havia coletes salva-vidas suficientes à bordo. Ele também relata que foi possível ouvir um estalo "como se o barco estivesse rachando".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos