Topo

Lista da Fifa tem 18 países a mais do que a da ONU. Veja quais e por quê

Fabiana Maranhão

Colaboração para o UOL, em Montevidéu

21/06/2018 04h01

Quantos países há no mundo? A resposta pode depender da lista consultada. São 193, se levado em conta o número de membros da ONU (Organização das Nações Unidas), ou 211, para quem olhar a lista da Fifa (Federação Internacional de Futebol).

Da relação de países com associações filiadas à instituição que organiza a Copa do Mundo, 25 não fazem parte da ONU ou são representados por outras entidades -- caso da Inglaterra e da Irlanda do Norte, por exemplo, que têm seleções próprias, mas na ONU são representadas pelo Reino Unido. 

O caso do Reino Unido, aliás, é emblemático. As terras da rainha Elizabeth, com representação única nas Nações Unidas, figuram com 12 bandeiras diferentes na entidade máxima do futebol, incluindo Escócia, País de Gales e territórios ultramarinos como Anguilla, Bermudas, Gibraltar, Montserrat, Ilhas Turcas e Caicos. 

Há ainda situações como a de Guam, Porto Rico, Ilhas Virgens Americanas e Samoa Americana, territórios dos Estados Unidos e sem representação na ONU, mas que entram na relação de federações da Fifa.

Hong Kong, Macau e Taiwan estão ligados à China, sendo as duas primeiras regiões administrativas especiais e a terceira, uma espécie de província renegada - todos também independentes na federação do futebol.

A lista da Fifa traz também Palestina e o Kosovo, que se autodeterminam como países, têm suas seleções de futebol, mas não são reconhecidos pela totalidade das nações da ONU.

Aruba e Curaçao são territórios autônomos da Holanda. Já Ilhas Cook, Ilhas Faroé e Nova Caledônia estão ligados à Nova Zelândia, Dinamarca e França, respectivamente.

Nações sem seleções de futebol

O Reino Unido, por ter representações individuais na Fifa, não aparece na lista da Fifa. 

Por outro lado, estão nas Nações Unidas, mas não têm seleções de futebol, Kiribati, Ilhas Marshall, Micronesia, Nauru, Palau e Tuvalu.

Mais Notícias