PUBLICIDADE
Topo

Escolas de Wuhan usam telas de plástico em mesas para retorno às aulas

06.mai.2020 - Estudantes da cidade chinesa de Wuhan - China News Service / Getty Images
06.mai.2020 - Estudantes da cidade chinesa de Wuhan Imagem: China News Service / Getty Images

Do UOL, em São Paulo

06/05/2020 09h03

As escolas de Wuhan, na China, colocaram telas de plástico nas mesas dos alunos para protegê-los da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. De acordo com o jornal britânico Daily Mail, mais de 50.000 estudantes da cidade chinesa voltaram às escolas mais de três meses depois do confinamento causado pela pandemia. Por enquanto, não são permitidos mais de 20 alunos em cada sala.

As mesas dos adolescentes são individuais e estão posicionadas a pouco mais de um metro de distância. As coberturas de plástico podem ser dobradas e os alunos podem levá-las para o almoço.

Entre as medidas preventivas adotadas pelas autoridades escolares também está o uso de máscaras e a medição da temperatura dos alunos para impedir um novo surto do vírus.

"A escola está finalmente reabrindo!", publicou um usuário da rede social "Weibo", a plataforma chinesa de mensagens curtas. "É a primeira vez que fico feliz em voltar para a escola, apesar de ter que fazer um exame mensal no dia 8", brincou outro.

A volta às aulas foi o último passo da flexibilização das medidas de isolamento social na cidade de Wuhan e na província de Hubei. A cidade onde surgiu a pandemia do novo coronavírus ficou isolada por quase 80 dias e só foi reaberta no último mês.

De acordo com dados oficiais de Pequim, a covid-19 matou 4.633 pessoas e infectou 82.883 na China.

Coronavírus