Exclusivo para assinantes UOL

Editora de Hong Kong crítica à China registra desaparecimento de 5 integrantes

Michael Forsythe

Em Hong Kong (China)

  • Vincent Yu/AP

    Manifestantes protestam contra a reforma eleitoral proposta pelo parlamento chinês, em Hong Kong, em junho de 2015

    Manifestantes protestam contra a reforma eleitoral proposta pelo parlamento chinês, em Hong Kong, em junho de 2015

O recente desaparecimento de cinco homens ligados ao diretor de uma editora de livros provocativos sobre os dirigentes políticos chineses alarmou muitas pessoas na semiautônoma Hong Kong. Elas temem que o acordo histórico que conferiu à ex-colônia britânica um governo e um sistema jurídico próprios pode ter recebido um grave golpe.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos