Exclusivo para assinantes UOL

Ter cientistas como oposição ao governo significa "guerra à ciência"?

Daniel Engber

  • Antonio Bronic/ Reuters

    Em Zagreb (Croácia), mulheres carregam cartazes em solidariedade à Marcha das Mulheres, que ocorreu nos EUA e outros países

    Em Zagreb (Croácia), mulheres carregam cartazes em solidariedade à Marcha das Mulheres, que ocorreu nos EUA e outros países

Um exército de defensores da ciência marchará em Washington, a capital dos EUA, em 22 de abril, segundo um comunicado de imprensa divulgado na quinta-feira (2). A demonstração de força pretende "chamar a atenção para tendências perigosas na politização da ciência", segundo os organizadores, que citam "ameaças à comunidade científica" e a necessidade de "proteger" os pesquisadores de um regime ameaçador. Se Donald Trump pretende aumentar seu aparente ataque aos valores científicos, que fique sabendo: a ciência revidará.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos